PÉROLAS JURÍDICAS

smile-face_jatefalei

te falei que no universo jurídico nem tudo é extremamente rigoroso!

Hoje resolvi compartilhar alguns acontecimentos inusitados, encontrados em processos judiciais.

(Todas as notícias relatadas abaixo foram extraídas do site: http://www.migalhas.com.br)

Juiz manda intimar a parte pelo WHATSAPP

Tem juiz tentando inovar no mundo jurídico. Na cidade de Presidente Médici, em Rondônia, um juiz colocou em sua decisão, que a autora fosse intimada “pelo meio menos oneroso e rápido”, indicando as tecnologias possíveis como por exemplo: e-mail, telefone e até o WhatsApp, conforme decisão abaixo:

intimação_whatsapp

Oficial de Justiça diz que não fez curso de advinhações

A atividade dos Oficiais de Justiça já não é tão fácil, e fica ainda mais difícil, quando eles tem que efetivar uma citação e o processo não contem endereços do réu. Foi o que constatou um servidor de Campina Grande/PB, que foi incumbido de fazer uma citação da parte, só que o processo não continha endereços, então ele relatou em sua certidão:

servidor_não-fez-curso-de-advinhação

 

Oficial de Justiça diz que não encontrou pessoa nem no FACEBOOK

Mais uma inovação no mundo jurídico. O oficial de Justiça da 5ª Vara Cível da Comarca de Presidente Prudente/SP, inovando nas tentativas de localização da parte, certificou em seu mandado que também não encontrou o devedor nem no Facebook:

“CERTIDÃO – MANDADO CUMPRIDO NEGATIVO CERTIFICO eu, Oficial de Justiça, que em cumprimento ao mandado nº 482.2014/044559-4 dirigi-me a avenida Raul Furquim, mas não consegui localizar o nº 40. A numeração não é regular, mas segue uma sequência lógica. A pessoa é desconhecida nos arredores. Também não encontrei o requerido no Facebook. O referido é verdade e dou fé. Presidente Prudente, 23 de setembro de 2014.” (grifos nossos)

facebook_jatefalei

 

Réu que se “transforma em toco”

Como já relatei, a atividade dos oficiais de justiça já não é nada fácil, imagina as peculiaridades que eles tem que enfrentar em alguns casos.

No processo que tramita na comarca de Brasília de Minas/MG, o advogado recomendou ao oficial de justiça “prudência, bom zelo e cuidado” para quando for realizar a citação do réu, dono de um livro de São Cipriano, que consegue se transformar em toco, “ou mesmo se esconder de trás de um cabo de enxada“.

réu-se-transforma-em-toco

Réu que toma “pinga do sarava” e some

No processo da comarca de Aquidauana/MS, a oficial de justiça conta que deixou de citar o réu, pois foi informada pela ex-companheira dele que, ele “tomou pinga do saravá em uma encruzilhada, ficou louco e sumiu“. A oficial ainda ressaltou: “O referido é verdade e dou fé.

pinga-sarava

 

Juiz chama advogada de preguiçosa

Ao sentenciar um processo em que uma técnica de enfermagem cobrava diversas verbas trabalhistas, o juiz do Trabalho substituto, Ricardo Menezes Silva, do ES, criticou em sua decisão a preguiça e falta de ânimo de uma advogada por não apresentar um documento específico:

“Desculpe-me, mas a preguiça é invencível e contagiante. Se a advogada da reclamante não tem ânimo de exibir o indispensável documento, nem se digna de indicar, ou transcrever, a cláusula do tal dissídio que respalda a pretensão de reajustamento salarial, não compete ao juízo suprir a negligência da mandatária.”

Neste caso a OAB/ES ofereceu representação no TRT da 17ª região em face do magistrado, requerendo que ele sofra as sanções devidas por seu comportamento com o entendimento que houve violação do dever de urbanidade.

Ainda ressaltou o presidente da seccional, Homero Junger Mafra, que “Com seu agir grosseiro e deselegante”, o juiz “ultrapassou todas as normas de civilidade que devem nortear as relações entre magistrados e advogados”.

Até sexta!

Anúncios

DO VHS À INTERNET: OS AVANÇOS DO MUNDO CINEMATOGRÁFICO

Muito se comenta sobre a expansão da internet e onde iremos parar com tudo isso. Ainda na infância, vivi a era VHS, das extintas videolocadoras, época esta onde só tínhamos oportunidades de assistirmos filmes ou no cinema, ou na televisão ou através das fitas da videolocadora. Pouco se sabia sobre as produções dos filmes, sobre futuros lançamentos ou notícias do gênero. De vinte anos para cá, a popularização do tema veio com o avanço da internet, que como toda situação, tem seus prós e contras e é exatamente isso que vamos brevemente analisar aqui hoje.

Os que foram crianças e adolescentes nos anos 90 foram muito felizes ao rebobinar fitas, passar horas na locadora escolhendo títulos, mas infelizes por não saber o que esperar do mundo cinematográfico em notícias e fácil acesso. Pouca coisa era passada para o público sobre os filmes, coisa que só veio aparecer com a chegada do DVD. No DVD, já conseguíamos ter acesso aos extras, sendo eles making of, entrevistas, erros de gravação, entre outros. Paralelamente fomos percebendo o avanço da internet, ainda que apenas para informar sobre os filmes, noticiar as próximas produções e disponibilizar trailers. Então veio a pirataria banalizada: filmes gravados diretamente do cinema desfalcaram levemente o mercado home vídeo. Com sorte, o público foi pegando gosto pela qualidade e, aos poucos, largando este tipo de pirataria. E é aí que aparecem YouTube e sites de download de filmes. Estes anunciavam um fim próximo das videolocadoras, deixando apenas os mais ávidos cinéfilos com cadastro ativo nos estabelecimentos. Na tentativa de sobrevivência, alguns deles iniciaram um serviço de delivery de filmes, bem sucedido apenas com a famosa (e também extinta Blockbuster). O Blu-Ray chegou no mercado para reforçar e modernizar a qualidade oferecida nas videolocadoras com a alta definição. Mas nem mesmo este salva o serviço de home vídeo com a chegada do stream, formatos como Netflix e NetMovies, no qual pode-se acessar tudo quanto é tipo de final através da sua SmartTV ou computadores. E aqui estamos hoje.

O que podemos nos beneficiar com isso? Temos tudo ali, na mão, o filme de fácil acesso a hora que quisermos e o filme que quisermos por um preço muito acessível. Simples assim. É legal e prático? Sim. Os mais entendidos da internet ainda se beneficiam da pirataria avançada e baixam os filmes na alta definição. Há os que ainda colecionam filmes em DVD ou Blu-ray, mas isto também é apenas uma questão de tempo para, infelizmente, chegar ao fim. Mas o que esperar de um futuro próximo? Vale realmente a pena continuar colecionando filmes em mídias, sendo que a qualquer momento os aparelhos correm o risco de serem limados do mercado? Assim como citei no post sobre o fim das videolocadoras, ainda me faz falta o cheirinho do VHS e as maratonas à locadoras.

Para comemorar e exemplificar o lado positivo citado na matéria, deixo aqui o trailer do próximo Jurassic Park, filme que estreia apenas dia 12 de Junho e a internet nos presenteia com esta prévia em tanto tempo de antecedência. Spielberg mostrando que resiste firmemente com sua legião de fãs independente da era cinematográfica que vivemos. É mestre! Aproveitem!

ja_te_falei_indicações_cinema

estrelas_cine5 JOGOS VORAZES: A ESPERANÇA – PARTE 1  |  Direção: Francis Lawrence – Com Jennifer Lawrence, Josh Hutcherson, Liam Hemsworth, Woody Harrelson, Elizabeth Banks, Julianne Moore, Philip Seymor Hoffman, e Donald Sutherland  – CONTINUO INDICANDO – Denso, sombrio, forte e definitivamente muito impressionante. Esta primeira parte do final arrepia mesmo quem não é fã da série. Jennifer Lawrence está no ápice de sua interpretação na saga. Emoção e empolgação na medida certa! TEM QUE VER!

INTERESTELAR  |  Direção: Christopher Nolan – Com Matthew McConauguey, Anne Hathaway, Jessica Chastain, Matt Damon, Mackenzie Foy, Michael Caine e Ellen Burstyn  – CONTINUO INDICANDO – Apesar da longa duração, é um filme que enche os olhos e ouvidos em todos os aspectos. Com uma história intrigante, efeitos e som deslumbrantes e atuações impecáveis, arrisco-me a dizer que este – se não o melhor – é um dos melhores filmes de ficção científica da história do cinema. TEM QUE VER!

ja_te_falei_estreias_cinema

  • Boa sorte
  • De Volta ao Jogo
  • O Casamento de Gorete
  • Sétimo
  • Elsa & Fred
  • Os Amigos

Como aplicar em Títulos Públicos

investimento titulos publicos

 

Vocês já devem ter escutado muito sobre títulos públicos. Vou explicar hoje como aplicar nesses papéis.

Os títulos públicos são emitidos pelo governo federal com o objetivo de arrecadar dinheiro para o governo. Logo a pessoa que está comprando títulos públicos está emprestando dinheiro para o governo e recebendo uma taxa de juros pré-determinada como rentabilidade. Os títulos públicos são considerados os ativos de menor risco. Além de ter a garantia do Tesouro Nacional, o Brasil é considerado um ótimo emissor, segundo as agencias classificadoras de risco.

Existem algumas maneiras de adquirir esses títulos. Comprar cotas de fundos que investem em títulos públicos; através de uma Instituição Financeira; diretamente pelo site do tesouro direto.

Para comprar os títulos públicos, primeiro é preciso efetuar o cadastro em alguma instituição financeira habilitada/agentes de custódia . Esse agente/instituição será responsável pelo seu cadastro na Bovespa. Após o cadastro, o investidor receberá uma senha para acesso ao site do tesouro direto.

Todo investidor portador de CPF e conta bancária pode investir em títulos públicos. Você pode começar a investir valores a partir de R$ 30,00 em títulos de diferentes prazos.

Os títulos que você pode comprar podem ser pré ou pós-fixados, já expliquei a diferença em outro post, lembram? Os títulos você deve escolher de acordo com os seus objetivos e prazos.

As taxas para efetuar a compra são:

  • Taxa do agente/instituição – você pode conferir o ranking dessas taxas clicando aqui.
  • Taxas cobradas pela Bovespa – 0,30%a.a cobrada sobre o valor dos títulos.

Os Impostos cobrados são os mesmos do CDB: IR e IOF.

Ficou curioso? Quer ler mais sobre isso?

É só acessar o site do Tesouro Direto.

Até a próxima quinta!

 

 

Eu venci o câncer. Você também pode!

Combate ao câncer

O dia 27 de Novembro é uma data muito especial, hoje é o DIA NACIONAL DE COMBATE AO CÂNCER. Nesta data é muito comum a mídia dar espaço para falarmos sobre esta doença traiçoeira e silenciosa, hoje podemos usar um grande espaço para divulgar algumas atitudes básicas que podem salvar vidas.

 A primeira coisa a fazer é explicar o que é o câncer, segundo a SBCO Sociedade Brasileira de Cirurgia Oncológica, “Câncer é o nome genérico para um grupo de mais de 200 doenças que têm em comum o crescimento desordenado (maligno) de células que invadem os tecidos e órgãos, e podem espalhar-se (metástase) para outras regiões do corpo. Embora existam muitos tipos de câncer, todos começam com esse crescimento anormal  e fora de controle das células. Outro nome para o câncer é neoplasia. A ciência que estuda o câncer se denomina Oncologia e o profissional que trata a doença é o oncologista.”

 Para saber como são as células normais do corpo, como o câncer começa, como se espalha, o que causa, os tipos de doença, prevenção, diagnóstico e tratamento você pode acessar a página do SBCO com informações importantes e muito bem explicadas. A informação pode salvar vidas, serve para você, seus amigos, conhecidos e familiares, espalhe informação e ajude a combater o Câncer.

 Combate ao câncer

Hoje vou compartilhar com vocês a minha experiência com o câncer. Em 2008 fui diagnosticado com câncer de testículo, na época eu andava muito de bicicleta e costumava bater o testículo, então demorei muito para procurar o médico e descobrir o que era realmente aquele inchaço. Devido a esta demora no diagnóstico, tive metástase nos pulmões e fiquei muito debilitado, sem fôlego e assustado com o sangue que vinha da minha área respiratória.

 Assim que descobrimos a doença, minha esposa e eu não sabíamos o que realmente significava, na minha pura ignorância e ingenuidade achava que quem tinha câncer tinha os dias contados para a morte.

 Fomos estudar e descobrimos que muitas pessoas ficam curadas e com a vida normal quando feito o tratamento adequado. Foi isso que fizemos, procuramos o tratamento adequado e em poucos dias fiz uma cirurgia para a retirada do testículo, mas não estava acabado, ainda tinha que cuidar dos pulmões e isso foi feito através de quimioterapia, foram inúmeras sessões de drogas que ao mesmo tempo que agride e mata as células cancerígenas, agridem também as células boas e causam vários efeitos colaterais.

 Combate ao câncer

Foram dias de luta e paciência, aliados a muita fé, esperança e coragem minha e de minha esposa, que tenho certeza, foi fundamental na luta contra o câncer, assim como muitos amigos. O apoio ao paciente é muito importante e com amor é melhor ainda. Também reparei durante as várias sessões de quimioterapia, onde dividia o espaço com outros pacientes, a atitude de cada um. Alguns, assim como eu, tinha certeza absoluta que este era um curto espaço de tempo e que iria sair desta para uma vida longa, outros no entanto, estavam entregues e já não tinham tanta certeza da vitória e ao meu ver, isso pode interferir muito no tratamento.

 Combate ao câncer

Muitas pessoas tem vergonha da aparência durante o tratamento, eu tenho muito orgulho,  sempre que posso mostrar para um novo paciente como eu fiquei e como estou hoje, fico mais orgulhoso ainda mas devo confessar que as vezes me assusto.

Poderia ficar escrevendo dias e dias sobre cada pequeno detalhe durante o tratamento, mas o que quero realmente compartilhar com todos neste dia é que EU VENCI O CÂNCER E MUITOS TAMBÉM PODEM.

 A primeira coisa a fazer quando tiver algo errado como seu corpo é procurar cuidados médicos, se o câncer for diagnosticado cedo, as chances de cura são altas.

 Quem estiver passando por isso ou tiver uma amigo ou parente que precise de força para superar esta fase, entre em contato,  tenho muita coisa boa para contar.

Abraço a todos e até a próxima semana.

Eddie Gomes

MENTIRINHA BRANCA

Mentirinha Branca

Mentirinha Branca – Por Ela

Desde crianças, aprendemos que não devemos mentir e esse valor – o de falar a verdade sempre – é transmitido também por várias histórias infantis, como na história do Pinóquio, em que o nariz do menino de madeira cresce a cada mentirinha, ou na história do Pedro e o Lobo, em que, de tanto mentir, as pessoas pararam de acreditar no Pedro.

"Pinóquio"
“Pinóquio”

A mentira nunca foi bem aceita socialmente, pois acarreta em uma quebra de confiança e, uma vez quebrada, fica difícil construí-la de novo. Além disso, a mentira pode iludir ou magoar as pessoas. Todo mundo conhece o ditado que diz que “mentira tem perna curta”… afinal, um dia, a verdade sempre aparece.

Mas por que será que, mesmo sabendo de tudo isso, as pessoas continuam mentido? Às vezes, é mais fácil inventar uma mentirinha do que ter que encarar a verdade. Mas e quando essa mentirinha, que começou pequena, vai crescendo, crescendo e se torna uma bola de neve… como podemos voltar atrás? Algumas pessoas se enrolam de tal forma com tantas mentiras que acabam não discernindo mais a verdade, criando quase que uma nova identidade ou uma realidade paralela.

Mentirinha Branca 1

E nos relacionamentos? Bom, como disse, a mentira não é aceita em nenhuma relação social, e acredito que nos relacionamentos amorosos, muito menos! Seu amado tem que ser um parceiro para todas as horas, aquele cara em que você pode confiar sua vida de olhos fechados e, se ele mentir e for descoberto, a confiança escorre pelo ralo. E dá pra ter um relacionamento com alguém em que você não confia? Eu acho que seria meio masoquista, paranoico, talvez, pois pensaria o tempo todo se ele está dizendo a verdade ou não, se ele me trai ou não, se ele me ama ou não, enfim, você acaba questionando do que ele seria capaz.

Eu acho que a mentira para encobrir algo errado deve ser banida de qualquer relacionamento: como mentir para pular a cerca, para sair às escondidas, para se apropriar de algo que não é seu, entre outros. Tudo o que possa fazer mal a outra pessoa deve ser evitado.

Agora, tem algumas mentirinhas brancas, que acho podem ser liberadas, de vez em quando, como: dizer que seu namorado ficou bonito com o novo corte de cabelo (horrível); pedir para que ele abra aquele pote porque você não consegue (mesmo conseguindo); elogiar os amigos dele (mesmo não tendo tanta paciência), entre outros…

Algumas omissões também podem ser perdoadas, como: não contar tudo o que seu ex fazia de bom; não contar quando algum idiota deu em cima de você (e você já deu um chega pra lá no cara), etc.

Essas omissões e mentirinhas brancas, quando usadas para não magoarmos o parceiro e evitar brigas e crises de ciúmes, eu acho que são super válidas. O que não pode é inventar uma mentira para fazer algo que possa ferir os sentimentos do seu amado. Mentirinhas para incentivar, elogiar, manter a autoestima do seu amor em alta, assim como o relacionamento, são perdoáveis por terem uma boa causa! As outras não, elas são imperdoáveis, pois objetiva-se apenas os desejos e interesses individuais do mentiroso, não visando em nenhum momento a felicidade do parceiro ou do casal. Para pesar o que pode e o que não pode é fácil: baseie-se nos combinados do relacionamento – o que é permitido no relacionamento pode virar uma mentirinha branca; o que não é permitido no relacionamento não deve ser feito, muito menos encoberto por uma mentira!

Eu, na verdade, tenho dificuldade em mentir, porque fica estampado na minha cara o que estou pensando ou sentindo… Não dá para mentir (nem para agradar) que qualquer um percebe, principalmente Ele! Para mim, nem a mentirinha branca funciona, porque sendo transparente assim, só dá para falar a verdade. E a outra mentira então, nem se fala… Aliás, fala! Minha consciência não para de tagarelar até que a verdade se revele! Até lá, peso uma tonelada e sono, cadê você? Isso não é vida! Vida é de verdade! Relacionamento é de verdade! Amor é de verdade! Mentira é de mentira…

Smile

Mentirinha Branca – Por Ele

Eita! Pela primeira vez desde o começo do blog eu estou com medo de ler o post da Ela. Será que Ela mente para mim? Se sim, será que este post inteiro é uma mentirinha branca para esconder um monte de mentirinhas cinzas, roxas ou pretas?

Enfim, nervosismos à parte, vamos ao assunto. A parada é o seguinte: mentir é feio e tua mãe ensinou isso faz tempo. Agora, existem certas mentiras que aliviam a dor dos outros, que evitam conflitos e às vezes salvam até uns relacionamentos por aí. Essa mentira que sua mãe não te ensinou é o que os adultos chamam de mentirinha branca.

O problema é que se a mentira tem perna curta, a mentira branca é uma anã e dentro de um namoro é muito difícil manter um segredo, mesmo que ele resulte em ver o outro machucado. A solução, às vezes, é o que eu chamo de egoísmo humanitário, se você vacilou com a patroa, esqueceu o dia do aniversário de namoro ou até mesmo traiu, a mentira no longo prazo é um péssimo negócio pois ela vai pesar para você. Se você jogar limpo e contar a verdade a dor do outro uma hora passa, mas o peso na consciência (para os que têm, óbvio) dura o tempo da mentira e mais um pouco.

Lembro de uma história que um amigo me contou:

Ele namorava uma mina louca de ciumenta que vigiava o facebook dele. Um belo dia, ela chegou nele e perguntou:
– Você conversou com Fulaninha Panicat?
O cara havia conversado com ela sim, só que sobre um assunto qualquer, nada importante, mas precisava responder algo e, para evitar o conflito, ele soltou aquela mentirinha branca e disse:
– Hmm, falei com ela não amoreco, por quê?
A namorada do cara que já sabia que eles haviam conversado já foi ao delírio:
– Ha e agora você mente para mim para conversar com a fulaninha, é? Moral da história: mentira branca para a sua mulher só vai te pôr em furada.

Mas tudo tem um outro lado e algumas vezes nos pegamos em uma sinuca de bico,  onde a mentirinha branca foi mais forte que a gente, como na situação abaixo:

ELE, eu dei um tempo com a minha namorada e quando voltamos ela perguntou se eu tive outra mulher, eu respondi que não, mas  isso é uma mentira branca, porque eu peguei minha prima irlandesa. Mas a crise é que se falo a verdade, minha namorada não ia me querer de volta. O que eu faço agora, conto a verdade?

O fato é que você devia ter jogado limpo e falado a real, vocês não estavam juntos e isso não era traição. Mas cada caso é um caso, ela poderia ter ficado com outras pessoas também. Mas agora que você já soltou a mentirinha branca, nunca poderá tocar no assunto senão é namorocídio. A mentira foi “de boa intenção”, mas agora vai ter que viver com ela.

Todos já soltamos umas mentiras por aí. É quase normal mentir para evitar o confronto, mas chamar isso de branca ou de inofensiva é outro assunto. Na minha opinião mentira é mentira, talvez exista a mentira necessária, mas suavizá-la chamando de branca é fazer uma mentira branca para você mesmo não se chamar de mentiroso.

Fotografia Clique a Clique – Prioridades e a Interação das Variáveis

Já entendemos como utilizar cada recurso de nossas câmeras para balancear corretamente a exposição, certo? Não? Então entenda-os nos links abaixo, e depois volte aqui:

Agora você já releu, aprendeu e domina direitinho o ISO, a velocidade do obturador e a abertura do diafragma. Mas por quê eu uso cada um dos recursos? Por quê não posso fotografar sempre com ISO mínimo, velocidade alta e ampla abertura? Por quê temos tantas opções? Eu caso ou compro uma bicicleta? Qual o sentido da vida, do Universo e tudo mais? Prometo responder à todas essas perguntas!

Por quê temos tantas opções?

Calma, pode parecer um bixo de sete cabeças… e É! Mas só no começo, com a prática dominamos cada um desses recursos e aprendemos a hora e lugar para utilizá-los, é tudo questão de prioridade.

interação_jatefalei-8É nesse momento que o elemento humano emerge na fotografia, você possui uma gama infinita de possibilidades e deve escolher uma. Isso mesmo, você tem o momento decisivo do clique para decidir como quer interpretar e registrar aquela cena que está se passando diante de seus olhos e muita coisa muda em milésimos de segundos.

interação_jatefalei-11Podemos perder o sorriso perfeito de uma noiva, o olhar profundo de uma mãe (ou pai), o bocejo lindo de um recém nascido ou o lance decisivo de uma partida de futebol. Podemos deixar passar uma decisão histórica de um líder político, a agressão de um policial à um manifestante que desencadeia uma revolução nacional ou a Ísis Valverde comprando calcinhas. Mas não quero assustá-los (mais).

Mas por quê eu uso cada um dos recursos?

interação_jatefalei-5 interação_jatefalei-6Todo fotógrafo tem que ter um pouco de “vidente”. Se você está em um lugar e sabe que naquele evento vai ocorrer um fato que deve ser registrado, você tem a obrigação de se preparar e planejar para registrá-lo da melhor forma possível. Embora entre milhões de possibilidades você tenha que escolher uma, não existe exatamente uma única correta. Não se trata sempre de certo ou errado, se trata de escolhas. Existem diferentes interpretações para uma mesma situação e a chave para essa escolha está nas consequências de cada variável.

Por quê não posso fotografar sempre com ISO mínimo, velocidade alta e ampla abertura?

interação_jatefalei-4interação_jatefalei-2ISO alto resulta em granulação e ruído na imagem, mas também permite que você utilize velocidades maiores e previna o registro do movimento numa situação de baixa luminosidade. E aí, o que é mais importante? Uma imagem sem ruído e com arrasto de movimento, ou uma imagem com ruído e congelada? Depende da situação. Granulação é inadimissível numa foto de produto (Still) ou de moda, mas é irrelevante se o Papa der uma estrelinha na sua frente.

interação_jatefalei-9Visitando o Grand Canyon e fotografando a paisagem com um pôr do sol perfeito? Se você utilizar uma abertura ampla, f1.8 por exemplo, sua foto ficará desfocada, mas você entenderá como um míope enxerga as maravílhas do mundo. Se você pretende manter a paisagem em foco por completo, utilize uma abertura menor f22 por exemplo e diminua a velocidade, 1/50 de repente? já que a paisagem não vai se mover.

interação_jatefalei-13Fotografando uma bailarina ou um acrobata? Bom, eles sim vão se mover, e muito! Se sua intenção for congelar os movimentos, vai precisar de uma velocidade menor como 1/640. O que significa menos tempo para a luz entrar em sua câmera e subexposição. Mas, aumentando o espaço que a luz possui para entrar com uma abertura em f1.8, você consegue atingir uma exposição balanceada.

interação_jatefalei-12Decida a sua prioridade antes de cada clique, decida sua prioridade antes de sair de casa com sua câmera, decida sua prioridade até mesmo antes de comprar uma câmera. Você sabe o que te espera quando vai fotografar, entendendo as funções e consequências de cada recurso, você determina sua prioridade e decide qual será sua interpretação sobre cada cena, e você pode tomar tais decisões ainda em casa.

interação_jatefalei-10
Ou compre um Stand-up Pedal

Caso ou compro uma bicicleta?

Se você mora na cidade de São Paulo, compre uma bicicleta! A cidade está cheia de ciclovias e ciclofaixas, aproveite. Mas use capacete!

Qual o sentido da vida do Universo e tudo mais? 

42, óbvio!

Realizações

aula_de_circo_realizacoes

Realizar sonhos é algo que realmente me fascina.

Planejar metas e alcançá-las é simplesmente fantástico. Sempre digo que não chegaremos a lugar algum se não soubermos exatamente quais nossas metas a curto e a longo prazo. Ser feliz não é meta! Quais são suas metas para ser feliz? Ser rico também não é meta, quais são suas metas para ser rico?

Realizar sonhos, concretizar metas, nos dá brilho, alegria e nos dá mais energia para concretizar mais sonhos… As vezes realizar metas exige muitos sacrifícios, empenho, dedicação ou mais do que isso, as vezes  é necessário abrir mão de algumas coisas… Por isso, sempre devemos ter bem definido onde queremos chegar e quais os benefícios.

Uma grande realização minha, foi depois da cirurgia bariátrica, depois de eliminar 57 quilos entrar para a aula de circo. E o dia que consegui subir até o teto com o tecido, foi inesquecível e uma grande realização.

É preciso sempre lembrar que todas escolhas terão consequências…
Nossa vida é composta de diversos ciclos, por isso, devemos ter em mente que todos os começos têm seus desafios naturais e que algumas dificuldades fazem parte . É preciso ter foco e força para se manter no caminho que foi escolhido, pois na maioria das vezes desistir pode ser o caminho mais fácil…

Além da Pauta

É com imenso prazer que escrevo para vocês, meus caros amigos, essa bela história que receberá a cada semana um novo capítulo.

Espero que Luiz e suas eternas desventuras com o jornalismo mostrem para todos o que há ALÉM DA PAUTA, porque a verdade, meus caros, é surreal!

Então, sem mais e sem menos…. Tchan tchan tchan tchaaaan

A ColunaSurreal produções apresenta:

ALÉM DA PAUTA

Capítulo 1: Em branco

Ele abre a porta, tateia a parede até achar o interruptor, aperta, nada, pressiona, nada. A cidade está apagada – que se dane! – a noite o persegue para onde quer que vá. Fecha a porta e vira-se para o apartamento, é óbvio que ela não está mais aqui. Há tempos ela não vem mais aqui… Caminha tocando a parede até a porta do corredor, observa a cozinha – por que me abandonou, o que eu fiz?!

Cambaleante, ele entra no cômodo, dois passos para dentro e tromba na mesa. O som do ferro arrastado no chão o faz xingar… Alcança a pia. Pela janela, observa a lua iluminando o céu e a ponta daqueles que o aranha. – São Paulo é o inferno. – Ele se desencanta, levanta a mão, toca os armários que estão em cima da pia. Uma, duas, três portas. Dois passos para trás e lá está ela: seu vulto dá água na boca, o veneno e o antídoto estão ali juntos. Ele agarra a garrafa, a apóia na mesa de ferro e volta para a pia, abre a terceira gaveta e pega uma vela, tirando o isqueiro do bolso, a acende. A vela ilumina a mesa, que agora mostra um monte de folhas quase todas rabiscadas. Ele abre a garrafa, vira boa parte do conteúdo, aquilo arde em sua garganta e por pouco ele não devolve tudo para a mesa. À luz de velas, termina a garrafa e, por lá mesmo, capota.

Triiim, triiim – Luiz acorda assustado, em uma poça de álcool, abre os olhos e em um salto bate com o braço na garrafa, quebrando-a na mesa. – Merda! – O sangue vaza lentamente pelas costas da mão. -Trim, triiim, triimm – ignorando a dor, ele atende o telefone demonstrando toda a felicidade de sua ressaca:

-Alô!

– Luiz, seu bêbado de merda! Acha que é o Jhony Deep? Cadê você? A Ísis Valverde estava no shopping comprando calcinhas… A merda da nota não vai se escrever sozinha! Vem para a redação já!

– Por que alguém quer saber disso? Eu sou um repórter investigativo!

– Você foi um repórter investigativo! Vem para cá agora se quiser ainda o emprego, senão mando um estagiário fazer isso.

Luiz engole seco. Depois de estar entre os melhores jornalistas do país, hoje, faz nota para o Famosíssimos. As contas também não se pagam sozinhas.

– Tô indo, Neto, tô indo. Chego aí em uma hora.

– 45 minutos.

– Vá se danar!

-Você precisa de mim, Luiz, não eu de você!

– Obrigado por lembrar.

-Sempre ao seu dispor!- Maldito! – Luiz fala para o telefone ocupado.

Era impossível saber, ele estava cumprindo seu trabalho. Ele estava na pauta, tudo certo, era O FURO, ia balançar a sociedade e, talvez até o mercado. Aquilo valia mais que um Prêmio Esso. Luiz investigou, corrigiu, seguiu o procedimento à risca. Se soubesse no que ia dar, se soubesse o quão na merda ele ficaria quando tudo começou…

To be continued…

 

MOMENTO DE TENSÃO NA VIDA DE TODO CONFEITEIRO: A ENTREGA !!!

OMG_JA_TE_FALEI

Muito trabalho, cuidado e um grande investimento, para chegar na hora de colocar o bolo no carro, e ver que na verdade, este pode ser o momento mais tenso e mais difícil depois de todo o trabalho feito. O grande problema nessa questão do transporte deve ser sempre pensado na hora da encomenda pois alguns problemas podem ser resolvidos na hora.

Qual é a largura da porta da sua cozinha?

Se ela for grande e maior que o tabuleiro do bolo, elimina um de seus problemas. Caso for igual ou menor, você precisará repensar no seu bolo.

Para entrar na sua cozinha, tem escadas?

Este é outro grande obstáculo na sua vida, porém não o pior, peça sempre ajuda há alguém forte para poder carregar o bolo até o carro, se não tiver ninguém que possa te ajudar, mude o local de trabalho para não ter esse problema depois de finalizado.

O tamanho do tabuleiro do bolo cabe no seu carro?

Se couber, muito bom!! Caso contrário procure outro lugar para levar o bolo, no caso, no porta-malas….e se mesmo assim não couber ou for baixo, ai você pode ter um problemão. Procure alguém que tenha o carro maior que o seu para que possa emprestar, mas nunca deixe essa opção prevalecer, pois nem sempre esse seu amigo poderá lhe emprestar o carro. Pense nisso!!

TURBULÊNCIAS NO CAMINHO!!! Sim, você está dentro de um Itens_Excenciaiscarro… Se você acha que a sua vida está mais tranquila, você que se engana….ainda tem o trajeto Local de trabalho ou Atelier/Local de entrega. Agora começa uma nova tortura, Você conhece bem este Brasil cheio de ruas “boas”, “pavimentadas”, “sem buracos”…. ACORDE você está no Brasil, preste muita atenção no seu caminho, faça um trajeto até o local de entrega antes de sair, veja qual melhor caminho que você possa fazer, procure sempre vias mais tranquilas, sei que é difícil, mas se esforce!!
Para passar por essa sem grandes problemas, veja sempre se o bolo está bem firme no tabuleiro e bem acomodado no seu carro, não queremos chegar no local de entrega e ter surpresas, pois nem sempre conseguimos consertar na hora e caso algo aconteça no meio do caminho, faça o que tiver que ser feito, se for preciso ir com o bolo vá, como já aconteceu comigo onde tive que ir no porta-malas do carro  segurando o bolo até o local de entrega. Foi um sufoco, mais chegou tudo bem e o cliente ficou satisfeito.
Então… tudo o que tiver risco de cair pelo caminho, sempre coloque no local onde será montado o bolo e se tiver detalhes que quebrem, sempre levem a mais, não sabemos o que pode acontecer.

AUXILIARES OU CO-PILOTO !!

Sempre levem alguém com você se for possível, para ter pelo menos o motorista e um auxiliar, por diversos motivos. O primeiro é porque nem sempre é permitido estacionar o carro no local da festa, ainda mais para fornecedores e pelas multas que você pode tomar. O Segundo é que a pessoa que estiver com você possa cuidar do percurso e do bolo caso aconteça algo, assim é mais seguro pra você e pro bolo e não vai precisar se preocupar em olhar o celular toda hora para ver o caminho que terá que fazer e o risco de acidente é muito grande.

O ideal é que esse auxiliar entregue o bolo enquanto você toma conta do carro e se for preciso fique dando voltas até a hora de ir embora. Outro grande problema é que no local da festa nem sempre é de fácil acesso, então se tiver duas pessoas com você é sempre melhor, uma delas leva o bolo e a outra cuida de outras coisas importantes como: abrir as portas, chamar o elevador, encontrar o responsável da festa ou a assessora, enfim…. qualquer outro problema que você poderá ter.

UMA ESCOLHA IMPORTANTE: QUEM VAI DIRIGIR, PILOTAR O CARRO?

Veja alguém que tenha muita calma e serenidade…. e que tenha um espírito de um piloto de F1, mais calma – só mesmo pela noção de espaço e movimento. NUNCA deixe que um louco desvairado, nervosinho ou que tenha pouca experiência atrás do volante ou até alguém sem paciência tipo um serial killer de bolos diriga o carro, todo cuidado é pouco.

Esse cara aí, deve andar MUITO devagar, quase parando…. mentira, só ande com calma e sem pressa, não tente fazer ultrapassagens perigosas. Tenha um olho bem clínico e bem apurado, fuja dos buracos e quebra-molas. Um ponto importante, saia com antecedência, veja quanto tempo irá gastar até o local de entrega e sempre seja prevenido e pense que algo possa acontecer, tipo, algum acidente na via, trânsito, chuva, qualquer coisa que possa te atrasar na hora da entrega.

Ter uma boa aparência e ótima comunicação é muito importante, não precisa ser um modelo mais que esteja sempre arrumado e limpo e se você mesmo tiver que entregar o bolo, tenha pelo menos uma troca de roupa para fazer a entrega. Essa pessoa ou você estará sempre representando a sua empresa e não queremos que ela chegue no local toda suada, mal vestida e que não tenha uma boa comunicação caso seja necessário, temos sempre que treinar essas pessoas para que não deixe a desejar na hora H.

Nos vemos segunda que vem pessoal !!!

 

 

 

 

DAS PÁGINAS PARA AS TELAS

Em plena semana de estreia da saga de sucesso arrebatador Jogos Vorazes, não poderia deixar de escrever sobre as adaptações dos livros para as telas e os efeitos que este subgênero causam no mundo cinematográfico.

Desde que o mundo é mundo, o cinema aproveita-se de livros, casos reais e biografias para lucrar e levar essas histórias para as telas. O sucesso? Garantido. Há os que pensam ser uma bobagem essas adaptações, já que uma vez que você conhece a história e seus detalhes, porque assistir os filmes? Simples: Muitas pessoas não tem o hábito da leitura e preferem muito mais assistir um filme do que ler um livro – então une-se o útil ao agradável. Este é o principal motivo do ponto de vista do espectador. Do ponto de vista dos realizadores, é uma ótima empreitada. A maioria dos autores anseiam por uma adaptação cinematográfica, já que o cinema populariza suas obras e rendem mais nas telas do que nas prateleiras – e os estúdios já sabem que um best seller com certeza vai garantir bons frutos e muito público para suas produções.

O novo capítulo da saga Jogos Vorazes - baseado na obra literária de Suzanne Collins - chegou ao cinemas esta semana.
O novo capítulo da saga Jogos Vorazes – baseado na obra literária de Suzanne Collins – chegou ao cinemas esta semana.

Mesmo com o anseio por assistir o filme de seu livro favorito, os fãs muitas vezes reclamam que as adaptações não são fiéis aos livros, sofrem com os cortes de cenas, mas mesmo assim lotam os cinemas. Isso é muito comum, já que a linguagem literária é MUITO diferente da linguagem cinematográfica. Dependendo das escolhas que as produções fazem para contar a história, muita coisa fica de fora por simplesmente não funcionar nas telas.

Esta semana foi a vez da saga Jogos Vorazes brilhar nas telas, ocupando 49% de todas as salas de cinema do Brasil. Porém, houve uma época em que sucessos como Harry Potter, Crepúsculo e O Senhor dos Anéis tiveram seus dias de glória – este último ainda tem um último capítulo a ser lançado em dezembro.

JK Rowling e os atores protagonistas da série Harry Potter, Daniel Radcliffe, Emma Watson e Ruper Grint
JK Rowling e os atores protagonistas da série Harry Potter, Daniel Radcliffe, Emma Watson e Ruper Grint.

Particularmente, nada nem nenhum outro filme adaptado das telas se iguala a Harry Potter. A legião fãs e tudo o que os livros representou para toda uma geração é algo que com certeza deve ser mencionado com louvor. A autora JK Rowling criou um império e sua obra definitivamente alterou o rumo das adaptações literárias para o cinema. O mesmo ocorre com O Senhor dos Anéis, que apesar de ser mais antigo que Harry Potter, carrega na bagagem a mesma quantidade de fãs, de todas as idades. As Crônicas de Nárnia, de C. S. Lewis, teve um grande exitô em vendas de livros, mas suas adaptações cinematográficas deixaram muito a desejar e não completaram a série inteira.

De todos os autores desta era, Nicholas Sparks é um dos campeões. O autor estadunidense é mestre nas obras de romance dramalhão, levando os leitores mais frios às lágrimas. De seus vinte livros, dez foram parar nas telas, sendo que a maioria deles se tornaram grandes sucessos. São dele Diário de uma Paixão, Um Amor para Recordar, Noites de Tormenta, A Última Música, Um Porto Seguro, e Querido John.

Os dois primeiros grandes sucessos de Nicholas Sparks no cinema: Diário de Uma Paixão e Um Amor para Recordar
Os dois primeiros grandes sucessos de Nicholas Sparks no cinema: Diário de Uma Paixão e Um Amor para Recordar

Somente este ano, mais de 40 livros foram adaptados para o cinema. Entre eles estão A Culpa é das Estrelas, Maze Runner, Garota Exemplar, Se eu Ficar, O Doador de Memórias, Divergente, Noé, 12 Anos de Escravidão, Um Conto do Destino, Caçadores de Obras Primas, O Melhor de Mim entre outros. Para o ano que vem, já estão confirmados Cinquenta Tons de Cinza, Inferno (de Dan Brown), Insurgente e o último capítulo da saga Jogos Vorazes, A Esperança – Parte 2.

Alguns dos grandes sucessos da literatura que viraram filme: Orgulho e Preconceito, O Grande Gatsby, Morro dos Ventos Uivantes, A Menina que Roubava Livros, E o Vento Levou, As Vantagens de Ser Invisível, Millenium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres, Divergente, A Culpa é Das Estrelas, Cinquenta tons de Cinza, O Menino do Pijama Listrado, O Código DaVinci, O Diabo Veste Prada, O Diário de Bridget Jones, Drácula, Memórias Póstumas de Brás Cubas, Dona Flor e Seus Dois maridos, Capitães da Areia, Percy Jackson e outros.

Para encerrar, fica um vídeo para todos os fãs de HARRY POTTER, que assim como eu, sofrem até hoje com o fim da saga nas páginas e nas telas. Espero que com este vídeo, possam ver o quão especial é esta obra. Garanto que ao assistir, você vai entender o porquê do sucesso estrondoso! Até sexta que vem pessoal!

 

ja_te_falei_indicações_cinema

estrelas_cine5 JOGOS VORAZES: A ESPERANÇA – PARTE 1  |  Direção: Francis Lawrence – Com Jennifer Lawrence, Josh Hutcherson, Liam Hemsworth, Woody Harrelson, Elizabeth Banks, Julianne Moore, Philip Seymor Hoffman, e Donald Sutherland  – Denso, sombrio, forte e definitivamente muito impressionante. Esta primeira parte do final arrepia mesmo quem não é fã da série. Jennifer Lawrence está no ápice de sua interpretação na saga. Emoção e empolgação na medida certa! TEM QUE VER!

estrelas_cine2  DÉBI E LÓIDE 2  |  Direção: Bob Farelli e Peter Farelli – Com Jim Carrey, Jeff Daniels, Lauren Holden, Rob Riggle, Rachel Melvin e Kathleen Turner  – Para quem curte as caras e bocas interminávels de Jim Carrey, este é um prato cheio. Pastelão e bagaceiro em nível máximo, ainda que seja mais do mesmo, diverte e faz muita gente rir, mostrando que 20 anos depois, Jeff Daniels e Jim Carrey não perderam o jeito.

ja_te_falei_estreias_cinema

    • Jogos Vorazes: A Esperança – Parte 1
    • Allegro
    • Castanha
    • Uma Promessa
    • Karen Chora no Ônibus
    • O Ciúme
    • Nós Somos as Melhores