Exageros do “Poder” – II

exageros_poder_jatefalei

Esta foi a vez do juiz titular da 3ª Vara Federal Criminal do Rio, Flávio Roberto de Souza, que foi flagrado na última terça-feira, dia 24.02.15, dirigindo o Porshe Cayenne do empresário Eike Batista, que encontra-se, ou ao menos, deveria encontrar-se apreendido pelo Poder Judiciário.

A corregedoria da Justiça Federal da 2ª Região, já havia instaurado processo de sindicância para apurar os fatos noticiados pela imprensa, de que o juiz mantinha os bens de Eike em sua residência, e de que também fazia uso dos bens do empresário.

A Corregedoria determinou nesta quarta-feira, 25/02/15, a abertura de uma nova sindicância sobre a conduta do juiz, e também determinou a intimação do magistrado para que corrija seu ato referente à guarda dos bens de Eike.

Segundo o corregedor, desembargador Federal Guilherme Couto de Castro, caberá ao juiz “escolher o melhor caminho e, dentre eles, a nomeação de depositário, que poderá ser entidade idônea ou o próprio proprietário do bem, naturalmente com a pertinente restrição de uso“.

Afirmou ainda o desembargador, que nenhum carro apreendido pode ser mantido na garagem do juiz: “Não há qualquer cabimento em depositar bens no edifício particular do próprio magistrado, fato embaraçoso, apto a gerar confusão e manchar a imagem do Poder Judiciário.”

O magistrado Flávio Roberto de Souza declarou à imprensa que a utilização de bens apreendidos pela Justiça seria uma “prática absolutamente normal”, adotada por “vários juízes”.

Este foi o outro motivo que levou o desembargador Castro a instaurar a sindicância: averiguar se “a suposta declaração é apta a ofender a magistratura“. Sustentou que não há precedente desse tipo de conduta na Justiça Federal da 2ª região:

“Esta Corregedoria quer crer que o magistrado não tenha dado esta declaração ou que tenha sido mal interpretado, já que o procedimento é inédito nesta Justiça Federal da 2ª Região e não há qualquer notícia, felizmente, de que outros magistrados tenham agido assim.”

O juiz Flávio R. Souza terá cinco dias para prestar informações. Após esse prazo, os fatos apurados serão submetidos ao plenário, que decidirá se abrirá processo administrativo disciplinar.

Já os advogados de Eike Batista trabalham contra o magistrado. Eles intendem em apresentar duas representações contra o magistrado: uma ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e outra ao próprio Tribunal Regional Federal da 2ª Região, no Rio. Além disso, pretendem entrar com um processo por danos morais, alegando que o magistrado extrapolou o exercício de sua profissão ao dirigir o carro do empresário.

A defesa de Eike, terá também como estratégia, questionar a competência da Justiça Federal para julgar a ação movida contra Eike por crimes contra o mercado de capitais, ainda que o juiz Flavio R. Souza seja afastado do caso.

A tese dos advogados de Eike, é de que os crimes, que estão sendo imputados à ele, quer seja, de manipulação de mercado e uso de informação privilegiada, não podem ser equiparados a crimes financeiros, e portanto, não podem ser julgados pela Justiça Federal, devendo ser julgados pela Justiça comum.

Mas e ai, pode ou não pode ocorrer a utilização de bens apreendidos pelo Poder Judiciário?

A Associação dos Juízes Federais, declarou em nota à imprensa, que a Lei 11.343/06 permite, mediante autorização judicial, a utilização de veículos, embarcações, aeronaves e quaisquer outros meios de transporte regularmente apreendidos em processos judiciais, quando presente o interesse público:

“Art. 62. Os veículos, embarcações, aeronaves e quaisquer outros meios de transporte, os maquinários, utensílios, instrumentos e objetos de qualquer natureza, utilizados para a prática dos crimes definidos nesta Lei, após a sua regular apreensão, ficarão sob custódia da autoridade de polícia judiciária, excetuadas as armas, que serão recolhidas na forma de legislação específica.

§1º Comprovado o interesse público na utilização de qualquer dos bens mencionados neste artigo, a autoridade de polícia judiciária poderá deles fazer uso, sob sua responsabilidade e com o objetivo de sua conservação, mediante autorização judicial, ouvido o Ministério Público.”

A Associação declarou ainda que, não é comum a utilização de tais veículos pelos próprios juízes responsáveis pela apreensão dos bens. “Essa autorização só poderá ser dada nas hipóteses em que exista a necessária base normativa.”

Caso a utilização do bem apreendido se dê de modo irregular, a associação defende a necessidade de apuração em processo administrativo disciplinar.

A atitude tomada pelo magistrado é uma falta muito grave, que compromete demasiadamente a serenidade do Poder Judiciário. O juiz Flávio R. Souza já virou até motivo de piada na internet.

Eu acredito que a conduta deste magistrado deva ser reprimida de forma tão gravosa, quanto a praticada.

Mais uma vez ressalto, exercer os direitos não é errado “Vossa Excelência”, mas que seja da forma correta, sem os exageros do “PODER”.

Anúncios

TROCA DE PAPÉIS: 20 ATORES QUE RECUSARAM ICÔNICOS PAPÉIS DO CINEMA

Você pensa que arranjar trabalho em Hollywood é fácil? Que ser um ator consagrado te dá a certeza de bons papéis sempre? Está enganado. Nosso post de hoje fala exatamente sobre isso.

A escalação de elenco em Hollywood pode ser bem cruel, comparada inclusive à batalhas épicas. Demissões, declinações ou troca de atores são bem comuns nas produções. Durante as negociações de cachês e condições de trabalho, muita coisa pode acontecer. Porém, do mesmo jeito que substituições acontecem, desistências também. Muitos famosos declinaram convites para papéis icônicos do cinema e provavelmente se arrependeram – e muito – depois de ver as produções deslancharem no sucesso.

Confira abaixo 20 casos famosos de troca/recusa de papéis:

SEAN CONNERY
negou o mago Galdalf de O Senhor dos Anéis por achar a história muito confusa. Mesmo com um cachê milionário que incluía 15% da bilheteria, o ator recusou e o papel acabou ficando com Ian McKellen. No fim das contas, o cachê total daria mais de US$ 500 milhões!

MATT DAMON
negou protagonizar o épico Avatar de James Cameron, pelos conflitos de agenda com A Identidade Bourne. Então, o próprio ator sugeriu o amigo Sam Worthington, que acabou ficando com o papel. Porém, antes de fechar com Sam, Jake Gyllenhaal também recebeu uma proposta e preferiu estrelar O Príncipe da Pérsia. Matt Damon ainda recusou Harvey Dent em Batman – O Cavaleiro das Trevas por conflito de agenda, dando espaço para Aaron Eckhart.

WILL SMITH
negou Matrix, alegando que não havia entendido o roteiro do filme, sendo substituído por Keanu Reeves. Mais tarde, dispensou Django Livre porque achou que o personagem Django não era o verdadeiro protagonista. O papel acabou ficando com Jamie Foxx.

BRUCE WILLIS
negou protagonizar Ghost – Do Outro Lado da Vida com medo de o filme atrapalhar sua carreira. A produção tornou-se sucesso absoluto e consagrou Patrick Swayze e Demi Moore, que ate então não era sua esposa ainda.

GWYNETH PALTROW
negou o papel de Rose em Titanic, sem motivos esclarecidos. O papel ainda foi oferecido a Claire Danes – que também recusou, mas por conflito de agenda. Kate Winslet assumiu o papel faltando poucas semanas para o inicio das gravações.

JULIA ROBERTS
negou Um Sonho Possível, filme que rendeu à Sandra Bullock sou primeiro Oscar de Melhor Atriz.

AL PACINO
recusou Han Solo de Star Wars alegando que o filme seria uma grande bobagem. Harrison Ford tratou de agarrar a oportunidade e virou imediatamente uma estrela do cinema. Além de Star Wars, Pacino desdenhou Uma Linda Mulher – filme que elevou a carreira de Richard Gere – por achar o roteiro muito ruim.

JIM CARREY
negou – pasmem – Jack Sparrow em Piratas do Caribe. A idéia da Disney era contratar o maior comediante da atualidade, mas Jim negou por detestar sequências e o contrato, na época, previa três filmes. Johnny Depp acabou ficando com o papel.

ANGELINA JOLIE
negou Gravidade por não curtir a idéia. O diretor Alfonso Cuarón testou Scarlett Johansson, Olivia Wilde e Marion Cottilard. Insatisfeito, chamou Angelina mais uma vez, que recusou de novo. O papel acabou ficando com Sandra Bullock.

MEL GIBSON
negou o papel título de Gladiador, simplesmente por se achar velho demais para o papel, que consagrou Russel Crowe e o levou ao prêmio de Melhor Ator do Oscar. Antes antes, Gibson havia recusado outro papel título: O Exterminador do Futuro, pertencente à Arnold Schwazenegger.

BRAD PITT
não aceitou protagonizar A Identidade Bourne por preferir atuar em Jogo de Espiões, filme fracasso de público e crítica. A série Bourne tornou-se um sucesso imediato rendendo três filmes e uma consolidação na carreira de Matt Damon, que ficou com o papel.

ANNE HATHAWAY
negou protagonizar Ligeiramente Grávidos, dando lugar à Katherine Heighl. Anne assustou-se quando descobriu que a produção gostaria de usar imagens reais do corpo da atriz na cena do parto. Mais tarde, a atriz recusou O Lado Bom da Vida por conflitos com as gravações de Os Miseráveis. O papel foi para Jennifer Lawrence, que encantou o diretor com um teste via Skype. Que venceu o Oscar de Melhor Atriz naquele ano, enquanto Anne venceu Melhor Atriz Coadjuvante.

NICOLE KIDMAN
não negou O Leitor, mas ficou grávida e precisou abandonar a produção. Com prazo para finalizar o filme, o diretor convidou Kate Winslet para o papel.

JACK NICHOLSON
negou Michael Corleone em O Poderoso Chefão. Antes de escalar Al Pacino, que acabou ficando com o papel, o diretor Francis Ford Coppola testou Dustin Hoffman e Warren Beaty.

RUSSEL CROWE
negou o personagem Wolverine nos filmes X-Men por não aceitar o cachê oferecido pela produção, que negociou outros atores. Ainda bem que o papel acabou caindo nas mãos de Hugh Jackman!

MARK WAHLBERG
negou o cowboy gay Jack Twist de O Segredo de Brokeback Mountain, por influência do pastor de sua igreja. Jake Gyllenhaal aceitou o desafio.

LINDSAY LOHAN
negou o papel da stripper Jade em Se Beber Não Case por achar que o filme não tinha potencial. Além da recusa, Lindsay estava no pior momento de sua carreira, mas não quis se comprometer. Heather Graham foi a escolhida para substituí-la.

MICHELLE PFEIFFER
recusou o icônico papel que pertenceu a Sharon Stone em Instinto Selvagem, por achar obsceno demais. Mais tarde, recusou protagonizar Cassino, novamente substituída por Sharon. Os dois filmes alavancaram a carreira da colega.

JEREMY IRONS
negou Hannibal Lecter em Hannibal, juntamente com Sean Connery. O papel acabou ficando com o próprio Anthony Hopkins, que já havia interpretado o vilão em O Silêncio dos Inocentes.

JOHN TRAVOLTA, BILL MURRAY e CHEVY CHASE
nesta ordem recusaram Forest Gump, que acabou tendo Tom Hanks como protagonista. Bill Murray também recusou o papel de Steve Carrel em Pequena Miss Sunshine e até hoje afirma que se arrepende amargamente por isso.

Há ainda o caso de uma atriz que dispensou dois grandes papéis e talvez por conta disso, nunca emplacou um novo sucesso. MOLLY RINGWALD recusou as protagonistas de Uma Linda Mulher e Ghost – Do Outro Lado da Vida. Provavelmente a atriz tem esses como maiores arrependimentos da vida inteira, já que caiu no esquecimento e permaneceu no elenco da fraca série Psych.

• • • • • • • • • • • •

Consegue imaginar algum desses atores nesses papéis? Acho que fica um pouco difícil, já que ficamos acostumados ou curtimos muito a performance dos titulares nos respectivos filmes.
Semana que vem tem mais pessoal!

ja_te_falei_indicações_cinema
estrelas_cine5 A TEORIA DE TUDO |  Direção: James Marsh – Com Eddie Redmayne, Felicity Jones, David Thewlis, Tom Prior e Charlie Cox  – Um dos melhores filmes do ano. Eddie Redmayne, ganhador do Oscar de Melhor Ator é merecedor de todo este sucesso, que narra a história fantástica de Stephen Hawking. 

  BOYHOOD – DA INFÂNCIA À JUVENTUDE |  Direção: Richard Linklater – Com Ethan Hawke, Patricia Arquette, Ellar Coltrane, Lorelai Linklater e Elijah Smith  – A idéia de gravar um filme ao longo de doze anos e acompanhar o crescimento dos atores é tão incrível que já vale as indicações aos principais prêmios do cinema mundial. Porém, a longa duração (2h45 min) e a falta de grandes situações deixam um pouco a desejar.

estrelas_cine3 ANNIE  |  Direção: Will Gluck – Com Quvenzhané Wallis, Jamie Foxx, Cameron Diaz e Rose Byrne – Divertido, despojado e bem leve, o novo musical encanta pela simpatia enorme da história e carisma dos personagens. As músicas  divertidas vão virar parte da jukebox da Sessão da Tarde!

ja_te_falei_estreias_cinema

  • SuperPai
  • Sem Direito à Resgate
  • Tinker Bell e o Monstro da Terra do Nunca
  • O Duplo
  • Sr. Kaplan

Redes Sociais – Ética e Respeito

curtir ou não curtir

Já são muitos anos de convivência com a tecnologia, com o advento das Redes Sociais a comunicação ficou ainda mais fácil, mas infelizmente muita gente ainda não sabe como utilizar com ética e respeito.

As empresas devem se preocupar com o que seus funcionários e representantes postam nas redes sociais, principalmente no caso do departamento de vendas, onde para cumprir metas e alcançar lucros, muitas vezes os vendedores travam verdadeiras batalhas nas redes sociais utilizando seus perfis com o nome das empresas em que trabalham. Durante estas batalhas cometem erros grosseiros como fazer uso de SPAM, responder em respostas de outras empresas, utilizar imagens ou vídeos de terceiros e perdem totalmente a ética. Vale lembrar que muitas vezes estão apenas violando as diretrizes de uso das redes sociais e outras vezes, muito pior, estão cometendo crimes.

Utilizar imagens, vídeos, marcas registradas e qualquer conteúdo sem permissão do autor é crime, e cada vez mais as pessoas e empresas estão indo atrás de seus direitos para conter este tipo de abuso.

Copiar é muito fácil, usar o pronto é muito fácil, são poucas as pessoas ou empresas que tem como princípio criar conteúdo, e esta forma de pensar deve ser mudada, o povo Brasileiro é muito criativo e a preguiça de criar atrasa esta capacidade.

Se você é administrador de uma página e tem algum perfil fazendo uso de SPAM em respostas de seus posts, basta passar o mouse em cima do comentário que vai aparecer um X na lateral direita com opção de ocultar, clique ali e o comentário/SPAM será ocultado, logo em seguida aparecerão as opções de Exibir, Excluir, Denunciar e Banir. Esta última opção pode resolver todos os seus problemas com o internauta sem ética nas redes sociais.

O respeito trata-se da convivência pacifica entre as pessoas, ninguém deve ir no perfil alheio e ficar criticando ou contestando o que é postado. Se concordar, curta e compartilhe. Se não gostar e estiver contra seus pensamentos e entendimentos políticos, religiosos ou o que for, basta ignorar ou ler para ver se aprende alguma coisa, mas contestar e criticar é falta de respeito com quem postou. Se você tem um a amigo “sem noção” que fica criticando ou contestando seus posts é muito fácil de resolver, vá até o perfil do seu amigo e veja onde está escrito AMIGOS, abra na seta e opte por DESFAZER AMIZADE, pronto, com certeza este ex-amigo virtual “mala” nunca mais vai perturbar você.

Como comprar ações pagando menos

compra programada

Como já vimos no post anterior, comprar ações não é tão barato e o pequeno investidor acaba sendo um pouco prejudicado ao tentar ingressar nesse mercado.

Se você gostou do mercado de ações , tem o perfil adequado para esse investimento, mas não tem muito dinheiro para investir, ou não quer investir muito em um mercado tão volátil, não quer pagar tantas taxas, vou lhe apresentar um produto bem interessante.

O nome do produto é “Compra Programada” .Esse  produto consiste em formar uma carteira de ações no longo prazo, suavizando as taxas e facilitando a compra.

A contratação é simples, você vai definir um valor por mês para comprar de ações, vai decidir quais ações quer comprar e vai definir uma data para o debito em conta corrente. A compra será feita automaticamente todo mês na data escolhida por você. Existe uma lista das ações das empresas que você pode comprar, confira no site da Itaú Corretora.

Ex. Cadastrei debitar da minha conta corrente todo dia 10 o valor de R$ 100,00 para compra de ações da Natura. No dia 10 será comprado automaticamente pela Itaú Corretora o que for possível de ações da Natura, limitado a R$ 100,00.

Nesse programa o investidor terá isenção da taxa de custódia cobrada pela corretora. A isenção é valida pelo período de 6 meses ou até completar uma carteira de ações no valor de R$ 3.000,00.

A taxa de corretagem também será menor, ela segue uma tabela, quanto menor o valor que o investidor aplica por mês, maior é o desconto da corretagem. O desconto pode ser de até 90% na taxa de corretagem.

Eu vejo bastante vantagem nesse produto, além dos descontos e isenção das taxas, permite que você monte uma carteira de ações no longo prazo podendo diversificar essa carteira.  

Esse produto está disponível no site da Itaú Corretora.

Espero que gostem.

Até a próxima quinta.

Ela x Ele = Sorte no amor, azar no jogo?

Por Ela:

Sorte no amor, azar no jogo? – Tá aí, um velho clichê que todo mundo conhece! E não é que serve direitinho pro Casal?! Quarta-feira passada, meu time perdeu na Libertadores, mas nosso relacionamento só tem ganhado pontos.

Sou São-Paulina e Ele, bom, Ele é Corintiano. A verdade é que nunca gostei do Corinthians e nem tive muita simpatia por caras Corintianos, mas fazer o quê, a gente não manda no coração…

Desde pequena sempre fui apaixonada por futebol, o estranho é que Ele nem curte tanto assim… Mais um ponto que prova que somos opostos!

Mas, continuando, minha mãe diz que eu sempre fui louca por bola – trocava fácil uma boneca por uma bola! Diz também que uma das minhas primeiras palavras foi “GOL”. Quando ela me colocava para dormir, e eu ouvia meu avô assistindo o jogo na sala e, tão logo, o grito do Galvão de “GOOOLLLL”, eu já pulava da cama gritando “GOOOLLLL, GOOOLLLL, GOOOLLLL…”.

Ao mesmo tempo em que eu era meiga, menininha, também era maria-moleque. Jogava bola na rua e na Educação Física da escola com os amigos do meu irmão, enquanto a maioria das meninas preferia fofocar. Na casa da minha avó, vivia quebrando vasos de plantas e o vidro da porta. Sem contar que a bola sempre ia parar na casa do vizinho e meu irmão pulava os muros para buscar… Bons tempos.

Meu primeiro namoro, na verdade, começou a ganhar forças no Society. Algo que nós dois curtíamos e uma boa desculpa pra ficarmos juntos, sem contar que é um jogo que acaba rolando algum contato com o adversário. Bom, foi aí que tudo começou.

Minha história com Ele, do Casal, já não teve nada a ver com futebol. Ele nunca se mostrou muito fanático, no começo nem sabia pra qual time Ele torcia (fui enganada), mesmo porque Ele dizia que preferia futebol americano (mas não perdeu a chance de fazer piadinhas no Facebook semana passada). Acho que a coisa do time ficou mais intensa quando fomos viajar pra chácara com a família dele e eu levei um travesseiro do São Paulo. Eu nem imaginei que a família dele ligasse pra isso, mas quando Ele me disse que eram todos Corintianos e que iam “pesar na minha” por causa disso, a coisa ficou séria! Mas foi tranquilo, só algumas piadinhas e tal, mas o que a gente não engole por amor, não é?!

Putz, Ele podia torcer pra qualquer time, mas tinha que ser justo pro Corinthians? Nunca tive nada contra o Palmeiras ou o Santos, por exemplo, mas nunca fui fã do Corinthians. Meu pai e meu irmão são Palmeirenses, mas nunca foram torcedores tão assíduos. Houve uma fase em que o meu irmão era bem mais, eu o vi chorar quando o Palmeiras foi rebaixado, mas depois ele passou a não ligar mais tanto. Pelo Santos eu tive uma simpatia especial também, por causa de um professor de história incrível, que eu adorava, que era Santista fanático, sem contar que foi na época de Diego e Robinho, não tinha quem não aplaudisse.  De onde saiu essa minha paixão pelo São Paulo? Acho que por conta desse meu avô, pai do meu pai, de tanto ouvir os gritos de GOL do Galvão! Assistia muitos jogos com meu avô, com direito a me jogar de joelhos no chão da sala e tudo mais! Hoje em dia, infelizmente já não sobra mais tanto tempo assim pro futebol…

Tá aí outra coisa que prova o quanto eu amo Ele! Antigamente, não perdia um jogo. Deixava de sair pra ver meu time jogar com toda certeza. Hoje em dia, já troco o jogo pra ficar com Ele. Minha paixão por Ele dura muito mais do que os 90 minutos da partida. Ele conquistou meu coração e o faz bater mais rápido do que em decisão por pênaltis. Tá certo que de vez em quando ele comete algumas faltas, fica impedido na frente da zaga, mas não é que o filho da mãe tem raça e sempre reverte o placar? No final, sempre tem aquela jogada de arrepiar…

 Ele nunca vai me fazer mudar de time, mas pra quê? Nos divertimos tanto sendo opostos! Afinal, o futebol só tem graça quando temos outro time pra jogar e torcer contra. No mata a mata quem ganha é nosso relacionamento.

Por Ele:

Um relacionamento menos ortodoxo começa quando é Ela que propõe a pauta sobre futebol, não sou maluco, mas tive que aceitar porque você sabe, né? Freguês tem sempre razão.

Só pelo primeiro parágrafo já deu para perceber, eu sou Corinthians, e isso está no meu ser, tanto quanto no meu coração, fígado ou pulmão. Posso não ser fanático, mas são inevitáveis as brincadeiras. Ela, uma São Paulina daquelas que acompanha jogo  desde a época que o Kaká era magrelo, eu nasci em um família de apaixonados pelo Corinthians. É lógico que em dia de clássico, como na semana passada, a gente tira muito com a cara um do outro, afinal somos brasileiros e futebol faz parte do que somos.

Brincadeiras à parte, afinal não quero zuar muito para não cometer falta , tomar um vermelho e ter que pagar punição, o futebol sempre teve mais importância para Ela do que para mim. É inevitável reparar o quanto Ela deixa de lado tudo isso pra gente ficar de boa.

Torcer pra times diferentes não é treta, desde que se respeite o casal. Também tem que zuar muito mesmo o São Paulo, é saudável e nos diverte depois dos jogos, não importa o resultado. Mas, pensando bem, é no empate que os dois ganham rs.

A Branca de Neve e os Sete Anões

branca_de_neve_teatro_bradesco

Esse final de semana fomos no teatro Bradesco assistir a Branca de Neve e os Sete anões, musical que a nossa colunista Tais Nicácio responsável pela coluna de finanças trabalha.  Ah não poderia deixar de dizer que o locutor dos vídeos do Já te Falei, Danilo Diniz também trabalha no mesmo musical.

Incrivelmente talentosos, foi fantástico vê-los atuar.  Quando assistimos aos nossos amigos a emoção maior.  Ter amigos artista é assim, sempre tem uma surpresa em cima dos palcos! E uma peça sempre é uma emoção diferente da outra…

Ok, emoções a parte!  Vale realmente a pena! O show da neve e bolinhas de sabão caindo do teto encantam não somente as crianças como os adultos também!

A riqueza dos figurinos, das projeções e dos efeitos dão todo um toque especial!

Fica aqui o meu Parabéns aos dois, a Taís e ao Danilo pela garra e Sucesso!

TED – Semeando Idéias

E se você pudesse conversar com os maiores expoentes contemporâneos da fotografia. Ouvir dos próprios como pensam, conhecer seus processos criativos, conhecer as histórias por trás de suas imagens mais famosas, conhecer suas histórias, as causas pelas quais lutam e por que lutam.

Conhece TED?

sebastiaosalgado_qaTED (clique no link ao lado) é uma Organização sem fins lucrativos com uma missão simples: Semear e divulgar idéias ou ao menos colocar os princiais tópicos contemporâneos em pauta para discussão. Teve início em 1984 como uma conferência que convergia Tecnologia, Entreterimento e Design, daí a sigla “TED”. Hoje a idéia se expandiu para basicamente todas as áreas do conhecimento humano, como: 11-1-267-small_wmCiência, arte, tecnologia, negócios, política, saúde, filosofia, religião, entre muitas outras. O TED se expandiu e nasceram também projetos especializados como o TED-Ed, voltado para educação, e o TEDx, que se organizam e contemplam assuntos referentes à comunidades menores.

08-2-311-41-small_wmAssim, há 31 anos, a Organização apartidária e sem fins lucrativos, cria ambientes férteis para que do debate e da argumentação, boas idéias e boas práticas possam florescer, plantar raízes e se difundirem gerando as transformações que nosso mundo TANTO precisa. 09-3-9828-small_wmE o mais importante: TODO o conteúdo criado nas conferências e nos eventos tem garantido o ACESSO GRATUITO, desde artigos aos vídeos conhecidos como TED Talks, onde os maiores expoentes de cada área do saber humano apresentam suas idéias ao mundo. Importante lembrar que você não precisa se assustar com o site gringo, todas as palestrar possuem legendas em aproximadamente 100 idiomas.

“Tá, mas e a Fotografia?”

05-3-241-67-small_wmSe você acompanha o Já te Falei, sabe que tenho um posicionamento muito forte em relação a isso. Acredito que existem agentes de mudança que tem a capacidade de ir além do que se propõem inicialmente e de fato transformar o mundo à nossa  volta. Já apresentei aqui muito mais de uma forma de como a fotografia pode ser sim um agente transformador de altíssimo impacto. Não apenas os grandes fotógrafos podem ser transformadores em escala mundial, mas você, isso, você mesmo! pode ser um Agente de mudança em escala comunitária, em seu bairro, comunidade, entre seus amigos, família, igreja, escola… enfim, onde quer que seja.

10-4-7501-small_wmConheço o TED há algum tempo mas somente nessa última semana eu descobri a categoria “fotografia” nas TED Talks, ainda tenho MUITO o que explorar, mas por agora lhes deixarei com a apresentação incrível de, na minha humilde opinião, o MELHOR fotógrafo vivo, e um dos melhores que já viveu.

O FODA: Sebastião Salgado – “The Silent Drama of Photography”

Batatas!!

Batata ( Solanum Tuberosum ) foi o nome utilizado pelos índios da América do Sul, há mais de 2 mil anos. Há evidências de que ela já era cultivada desde essa época no Peru.

Hoje em dia, é utilizada como base da alimentação na maior parte do mundo. As primeiras batatas eram tubérculos pequenos e malformados, de diversas cores e sabor um pouco amargo. Graças a antigas técnicas utilizadas pelos habitantes do que hoje se conhece como Bolívia e Peru é que as batatas se tornaram comestíveis.

Existem diferentes tipos de batatas, com características diferentes, desde as que se encontram em altitudes que chegam a 3.960 metros até as que são resistentes ao frio, que crescem inclusive na neve, ou as que suportam um clima muito seco e bem quente, no qual nenhuma outra batata poderia resistir.

As batatas se dividem em dois grupos: as precoces ( também conhecidas como ” novas “, de tamanho pequeno ) e as tardias, de acordo com a época de maturação e de plantio.

COMO ESCOLHER ?

Certifique-se de que tenham uma consistência firme, não estejam germinadas, estejam limpas, livres de qualquer coloração esverdeada manchas na casca e traços escuros ao serem cortadas.

COMO CONSERVAR ?

Ela deve ser guardada em lugar escuro e fresco, a uma temperatura entre 10ºC e 12ºC, no máximo. Caso contrário a batata apodrece com grande facilidade e muito mais rápida.

TIPOS DE CORTES:

Torneado

1. Olivette: 2,5 a 3 cm de comprimento
2. Cocotte: 4 a 5 cm de comprimento, são finas. Aferventadas, começando com água fria e depois fritas rapidamente com pouca gordura, em fogo forte.
3. Inglesa: 5,5 a 6 cm de comprimento. Cozidas em água com sal, começando com água fria, ou no vapor.
4. Château: 7 cm de comprimento. Aferventadas, começando com água fria e depois fritas rapidamente com pouca gordura, em fogo dorte.
5. Fondant: 6 cm de comprimento, 80 a 90 g. Um lado liso. Apoiar o lado liso sobre a travessa untada com manteiga. Cobrir com caldo e levar ao forno.

Chips

1. Batata chips: 1,5 a 2 cmm de espessura.
2. Batata portuguesa: 2,5 a 3 mm de espessura
3. Batata prussiana

Bastões

1. Pont neuf: Cortar a batata em forma de paralelepípedo. Depois cortar, no sentido do comprimento, em lâminas de 1 cm de espessura e finalmente em bastões regulares de 1 cm de seção transversal e 7 cm de comprimento.
2. Bastão ( bâtonnet ): Cortar bastões regulares de 5 mm de seção transversal e 5 cm de comprimento.
3. Palito: Cortar bastões regulares de 2,5 a 4 mm de seção transversal e 5 cm de comprimento.
4. Mignonnette: Cortar bastões regulares de 2,5 a 4 mm de seção tranversal e de 2,5 a 3 cm de comprimento.
5. Palha: Cortar bastões regulares de 1,5 a 2 mm de seção tranversal e de 5 cm de comprimento com a ajuda da lâmina ondulada do mandolim.
6. Batata cabelo de anjo ( cheveux ): Cortar lâminas finas com o mandolim. Empilhar e cortar, com uma faca de picar, em bastões regulares de 5 cm de comprimento e de 0,5 a 1 mm de seção transversal.

Nos vemos semana que vem pessoal!!

A vacina

O dia amanheceu estranho para Gabriel, assim que levantou da cama reparou que o céu e os prédios possuíam a mesma cor. Abandonou a janela e caminhou até sua mesa de madeira, raridade naqueles tempos, sentou-se em sua cadeira e disse:

-Bom dia, Jim. O notebook saiu de dentro da mesa. – É o grande dia,hein?

Sem emoção alguma, a voz respondeu.

– Bom dia, Senhor. Segue o relatório da operação de hoje.

– Obrigado, Jim.

– Senhor?

– Sim.

– Os remédios da sua esposa acabam em 6 dias, ainda não há dinheiro na conta para a compra automática.

Aquilo foi um baque. O homem encostou em sua cadeira, sem saber o que fazer, em menos de 6 dias receberia seu salário e compraria os remédios para Mary. Mas mês que vem tudo seria diferente. O mundo será melhor, se tudo der certo na operação de hoje, o último bandido seria preso e a Bastilha inteira vacinada no Big Event.

A vacina criou um mundo sem violência e os poucos “Não-vacinados”, já estavam presos. Só um restava um, ele não era o mais violento, apenas vivia gritando papos sobre liberdade mental e andando sem camisa, mas precisava ser vacinado, ninguém viver sem o controle da vacina. A operação cuidaria facilmente dele.

O “dia do alívio” está próximo. Nem bandido, nem polícia. Em dois dias todos seria vacinados e adequados aos bons costumes. Em no máximo um mês Gabriel precisava ser qualquer outra coisa, menos um policial (o que ele amava fazer e ganhava muito bem por isso). Mas com a vacina, não haveriam mais bandidos ou ilegais para prender, bater, castigar ou matar. Em dois meses Gabriel não receberia seu salário, em dois meses os remédios de Mary não poderiam ser comprados.

-Senhor, esta na hora. A voz metálica o tirou de seu mundo.

– Sim, Jim. Separe minha farda no armário e imprima os relatórios. Vou ler no caminho.

– Sim, senhor.

Vestido para seu último dia como policial entrou em seu carro pelo banco de trás e perdeu uns segundos procurando o endereço na papelada, achou e o disse em voz alta, carro se moveu.

Já em seu destino, um bairro bonito no subúrbio, cumprimentou os colegas que já se encontravam lá e ordenou o início da operação. A porta da casa foi implodida e segundos depois, 50 homens passaram por ela como um trovão, logo atrás Gabriel os seguiu. Ao chegar no quarto casa, Gabriel se deparou com um homem pardo de cabelos negros penteados para trás sentado na cama, como se aguardasse dias por aquele momento. Como se sonhasse em ser vacinado. Ali sentado na cama estava o fim de uma história de 20 anos de trabalho como policial, ali sentado na cama, estava o inicio de uma nova era.

– Senhor… o policial falou educadamente.

-Sim. Respondeu o pardo.

– O senhor esta preso, por um dia, até que seja vacinado durante o Big Event na Bastilha.

– Eu sei, quero ser pedreiro.

O policial concentrado em seu procedimento nem prestou atenção no que aquele homem disse, apenas o algemou e o levou para o carro da polícia. Como aquele era o seu último preso, Gabriel solicitou a um soldado que fosse com seu carro para a Bastilha, ele mesmo acompanharia o criminoso, que não demonstrava tendência nenhuma a reação.

– Senhor? O pardo perguntou.

–  Há quantos anos é policial?

– Vinte, filho. Respondeu com calma, afinal não era uma pergunta ofensiva e o Pardo sabia que depois dele não haveria mais policia e aquele homem estava com os mesmos problemas que ele. O pintor vacinado não pintaria nada tão bom quanto ele. Assim como um policial vacinado, não combateria a violencia. Mas a policia era obsoleta agora.

– Depois do Big Event, você fará oque?

– Serei vacinado, procurarei um emprego e você?

– Virarei pedreiro, não ouviu. Vou precisar mudar de vida, não vai dar para viver como pintor com a minha cabeça sendo controlada.

– Apenas os instintos ruins serão controlados.- O policial já repetiu essa frase mil vezes antes.

– Achei que o fato de sermos racionais, já os controlava. Mas o governo quer tudo certo não é? É o melhor para todos, sermos anulados né? Sermos todos iguais.

– A liberdade precisa de segurança. Você não agredia ninguém, mas seus gritos e pinturas agressivas poderiam gerar desconforto e até mesmo descontrole na população. Atrapalharia a liberdade.

– A liberdade de um povo controlado, certo?

– Sim, certo. A liberdade precisa ser defendida.

– E para isso o governo, retira a minha mente e implanta a deles.

– Não vão implantar uma nova mente em você, apenas a vacina, que o deixará livre para ser o que quiser, menos…

– Livre.

– Hei, por Favor, não me obrigue a quebrar seus dentes.- O policial falou calmo novamente.

– Sim,senhor. Posso perguntar mais coisinhas? De não vacinado para não-vacinado.

– Fala, filho.

– O que vai fazer depois do Big Event. O que você faz a não ser um policial? O que vai fazer com o salário de um qualquer? O que vai fazer quando não puder descontar a sua violência, em quem o governo considera violento.

O policial se irritou, ele tinha total noção do que o Pardo estava falando. Sabia que era real, mas não poderia admitir aquilo, era desrespeito e ele ia pagar. Com um soco forte no estomago, ele respondeu entre os dentes.

– Serei o que quiser.

– Você já é o que quer. E desmaiou devido a um outro soco.

Gabriel chegou a bastilha e entregou o homem aos carcereiros, assinou a papelada, tirou fotos e foi para casa. Em casa, beijou sua mulher ainda na cama devido ao poder dos remédios que tomava e sentou em sua cadeira.

– Jim?

– Senhor, o que deseja?

– Quero saber o que faz um pedreiro, um padeiro e hmmmm, um professor e seus salários e o nível de poder que exercem na sociedade.

– Claro senhor, deseja que eu imprima os relatórios ou ver na tela ?

Após a afirmativa do policial, as tabelas saíram pela impressora e Gabriel começou a analisar. Ele precisava decidir. Observou, revisou, fez as contas e infelizmente não seria impossível manter o padrão de vida assim como seria impossível pagar os remédios, a casa e ser feliz. Ele gostava de ser policial, caçar as pessoas, prender, soltar e ganhava fortuna por isso. Mas o dinheiro só era para importante para manter a sua esposa viva, o que ele mais gostava era o poder. As pessoas o admirando por ser um “não-vacinado” defensor da civilização, a capacidade de definir o melhor para o mundo.

Após virar e mexer os papéis, Gabriel tomou uma decisão. Uma definição do que era o melhor para a sociedade. O Big Event estava próximo e o mundo ficaria muito melhor do que era. O problema é que nesse mundo melhor, não tinha espaço para Gabriel e nem para sua esposa.

– Jim, Ligue para o sargento Miguel, no celular dele, por favor.

– Alô. Miguel?

– Fala Gabriel, tudo bem, policial?

– Vou sentir falta de ser chamado assim…

– Eu tenho Gabriel, Eu também. A única coisa que sei fazer é isso. Estou com medo.

– Se acalme, Miguel! Você vai dar um jeito. Eu sei que vai. Enfim, preciso de sua ajuda. Preciso cobrar aquele favor e te dar um presente. Você ama de verdade ser policial?

– Amo sim senhor, é tudo para mim. Mais do que o senhor pode imaginar.

– Preciso de um bug nas câmeras do presidio, 2 minutos, às 3 da manhã, antes do Big Event.

– Te devo uma e vou fazer, mas posso perguntar o porque?

– Quero resolver umas coisas antes da vacina. E você sabe que essa conversa morre aqui né? Seriamos os dois presos…

– Claro, Gabriel, amanhã as 3. Te vejo por aqui.

– Não você não vai me ver, as câmeras estarão quebradas.

– Sim senhor. Respondeu Miguel rindo.

Eram 10 da noite. Cedo, mas Gabriel resolveu deitar. Amanhã não tem trabalho, não tem ninguém para prender então resolveu acordar mais tarde, para isso tomou um remédio de sono e colocou o despertador para às 12h.

No outro dia quando acordou fez questão de ele mesmo dar os remédios para sua mulher. Limpou sua casa, mudou alguns móveis de lugar e pesquisou mais algumas profissões e odiou tudo de novo. 20 minutos antes do horário combinado chegou a Bastilha, cumprimentou alguns colegas e falou que ia se despedir do local. Os, ainda, companheiros abriram as portas e deixaram ele entrar. Por quinze minutos caminhou entre os presos que estavam dormindo, ele colocou, pessoalmente, metade daqueles homens lá e em algumas horas, a existência deles mantinha sua mulher viva e persegui-los era a razão do seu viver.

Ao chegar na última cela daquele corredor ele parou, ol

hou para dentro, lá estava o pardo. O último preso da face da Terra. Um artista. Observou lentamento o levantar do preso de seu beliche.

– Senhor, tudo bem? Aproveitando as últimas horas de vida?

– Eu não vou morrer, vou trocar de emprego.

– É, se você diz.

Gabriel olha no relógio, agora!

– Eu quero um quadro.

– Han?

– 17/07/1789.

O barulho da cela de abrindo. E o policial ficou parado ali.

– O que você esta fazendo seu maluco? Os presos vão fugir… Por que tá fazendo isso?

– Essa é senha de algumas celas. Quando sair apague a luz.

– Você esta me deixando fugir. Por quê?

–  Questões profissionais.

OSCAR 2015: OS VENCEDORES

Na noite deste Domingo (22 de Fevereiro) aconteceu a premiação do Oscar 2015, brilhantemente apresentado pelo incrível Neil Patrick Harris. A noite foi marcada pelos muitos talentos reconhecidos merecidamente e pelas muitas apresentações incríveis, com ênfase total na multifacetada Lady gaga interpretando canções do clássico A Noviça Rebelde, e com direito a Julie Andrews emocionada no final.

Bom, para resumir, o grande vencedor da noite foi BIRDMAN, que levou o principal prêmio, de Melhor Filme. Porém, em quantidade de prêmios recebidos, BIRDMAN empatou com O GRANDE HOTEL BUDAPESTE, que levou a maioria dos Oscar que competem à qualidade da produção, como Figurino, Maquiagem, Direção de Arte e Trilha Sonora.

BIRDMAN é o grande vencedor da noite: No anúncio da conquista de Melhor Filme, equipe de produção e elenco reuniram-se no palco para comemorar a vitória.
BIRDMAN é o grande vencedor da noite: No anúncio da conquista de Melhor Filme, equipe de produção e elenco reuniram-se no palco para comemorar a vitória.
Confira abaixo a lista completa de indicados e vencedores do Oscar 2015:

Melhor Filme

melhor_filme_birdmanA Teoria de Tudo
• BIRDMAN
Boyhood: Da Infância à Juventude
O Grande Hotel Budapeste
O Jogo da Imitação
Selma
Sniper Americano
Whiplash: Em Busca da Perfeição

Melhor Ator

melhor_ator_eddie_redmayneBenedict Cumberbatch, por O Jogo da Imitação
Bradley Cooper, por Sniper Americano
• EDDIE REDMAYNE, por A Teoria de Tudo
Michael Keaton, por Birdman
Steve Carrel, por Foxcatcher: A História que Mudou o Mundo

 

Melhor Atriz

melhor_atriz_julianne_mooreFelicity Jones, por A Teoria de Tudo
• JULIANNE MOORE, por Para Sempre Alice
Marion Cotillard, por Dois Dias, Uma Noite
Reese Whiterspoon, por Livre
Rosamund Pike, por Garota Exemplar

 

Melhor Ator Coadjuvante

melhor_ator_coadjuvante_jk_simmonsEdward Norton, por Birdman
Ethan Hawke, por Boyhood – Da Infância à Juventude
• JK SIMMONS, por Whiplash: Em Busca da Perfeição
Mark Ruffalo, por Foxcatcher: A História que Chocou o Mundo
Robert Duvall, por O Juiz

Melhor Atriz Coadjuvante

melhor_atriz_coadjuvante_patricia_arquetteEmma Stone, por Birdman
Keira Knightley, por O Jogo da Imitação
Laura Dern, por Livre
Meryl Streep, por Caminhos da Floresta
• PATRICIA ARQUETTE, por Boyhood: Da Infância à Juventude

 

Melhor Diretor

• ALEJANDRO GONZÁLEZ IÑÁRRITU, por Birdman
Bennett Miller, por Foxcatcher – Uma História Que Chocou o Mundo
Morten Tyldum, por O Jogo da Imitação
Richard Linklater, por Boyhood – Da Infância à Juventude
Wes Anderson, por O Grande Hotel Budapeste

Melhor Roteiro Original

• BIRDMAN – Armando Bo, Alexander Dinelaris, Nicolas Giabone e Alejandro González Iñárritu
Boyhood – Da Infância à Juventude – Richard Linklater
Foxcatcher – Uma História Que Chocou o Mundo – Dan Futterman e E. Max Frye
O Abutre – Dan Gilroy
O Grande Hotel Budapeste – Wes Anderson

Melhor Roteiro Adaptado

A Teoria de Tudo – Anthony McCarten
• O JOGO DA IMITAÇÃO Graham Moore
Sniper Americano – Jason Hall
Vício Inerente – Paul Thomas Anderson
Whiplash: Em Busca da Perfeição – Damien Chazelle

Melhor Longa de Animação

Como Treinar o Seu Dragão 2
O Conto da Princesa Kaguya
• OPERAÇÃO BIG HERO
Os Boxtrolls
Song of the Sea

Melhor Filme Estrangeiro

IDA (Polônia)
Leviatã (Rússia)
Relatos Selvagens (Argentina)
Tangerines (Estônia)
Timbuktu (Mauritânia)

Melhor Edição

Sniper Americano – Joel Cox e Gary D. Roach
Boyhood – Da Infância à Juventude – Sandra Adair
O Grande Hotel Budapeste – Barney Pilling
O Jogo da Imitação – William Goldenberg
WHIPLASH: EM BUSCA DA PERFEIÇÃO – Tom Cross

Melhor Fotografia

• BIRDMAN – Emmanuel Lubezki
Ida – Ryszard Lenczewski e Lukasz Zal
Invencível – Roger Deakins
O Grande Hotel Budapeste – Robert Yeoman
Sr. Turner – Dick Pope

Melhores Efeitos Visuais

Capitão América: O Soldado Invernal
Guardiões da Galáxia
• INTERESTELAR
Planeta dos Macacos: O Confronto
X-Men: Dias de um Futuro Esquecido

Melhor Direção de Arte

Caminhos da Floresta
Interestelar
• O GRANDE HOTEL BUDAPESTE
O Jogo da Imitação
Sr. Turner

Melhor Figurino

Caminhos da Floresta
Malévola
• O GRANDE HOTEL BUDAPESTE
Sr. Turner
Vício Inerente

Melhor Maquiagem

Foxcatcher – Uma História Que Chocou o Mundo
Guardiões da Galáxia
• O GRANDE HOTEL BUDAPESTE

Melhor Trilha Sonora Original

A Teoria de Tudo – Johann Johannsson
Interestelar – Hans Zimmer
• O GRANDE HOTEL BUDAPESTE – Alexandre Desplat
O Jogo da Imitação – Alexandre Desplat
Sr. Turner – Gary Yershon

Melhor Canção Original

Além das Luzes – “Grateful”
Glen Campbell: I’ll Be Me –  “I’m Not Gonna Miss You”
Mesmo Se Nada Der Certo – “Lost Stars”
• SELMA – “Glory”
Uma Aventura LEGO – “Everything is Awesome”

Melhor Edição de Som

Birdman
Interestelar
Invencível
O HOBBIT: A BATALHA DOS CINCO EXÉRCITOS
Sniper Americano

Melhor Mixagem de Som

Birdman
Interestelar
Invencível
• SNIPER AMERICANO
Whiplash: Em Busca da Perfeição

Melhor Documentário

• CITIZENFOUR
A Fotografia Oculta de Vivian Maier
Last Days in Vietnam
O Sal da Terra
Virunga

Melhor Curta-Metragem Documentário

• CRISIS HOTLINE: VETERANS PRESS 1
Joanna
Our Curse
The Reaper
White Earth

Melhor Curta-Metragem

Aya
Boogaloo and Graham
Butter Lamp (La Lampe Au Beurre De Yak)
Parvaneh
• THE PHONE CALL

Melhor Curta de Animação

A Single Life
Me and My Moulton
• O BANQUETE
The Bigger Picture
The Dam Keeper