Se você se perder: NÃO COMA!

Você já deve ter visto em filmes, um grupo de amigos sai para acampar, fazer trilha, nadar pelado e tudo mais….e quando veem estão perdidos no meio da floresta. Ou em alguns filmes o avião cai no meio da mata, ou foram sequestrados e levados para a selva… Enfim, se um dia por acaso acontecer com você de se perder no meio da mata, uma das preocupações é saber o que comer, ou o que procurar para se alimentar em meio as raízes de plantas e frutas.
Mas não se empolgue, existe várias opções de plantas letais ao ser humano, onde especialistas recomendam que só se costuma qualquer coisa desconhecida em caso extremo e ainda sim, olhando se outros animais comem desse alimento. Para te ajudar um pouquinho, abaixo segue algumas frutinhas com aparência boa, mas que vão te levar desta para melhor.

São elas:

Dulcamara_jatefalei

Dulcamara
A plantinha é nativa da África do Norte, Europa e Ásia, mas já se espalhou pelo mundo todo. Para identificar, dá para citar que as flores estão em grupos de três a 20 exemplares compostos de cinco pétalas roxas com estames amarelos. Lembra que comentamos sobre observar comportamentos de animais? Para mostrar que comer coisas desconhecidas é perigoso, abrimos logo com uma exceção à regra. O fruto, vermelho, é venenoso para seres humanos e animais, apesar de ser comestíveis para aves que dispersam as sementes.

Madressilva_JÁTEFALEI

Madressilva
Normalmente, madressilva é o nome popular dado às espécies incluídas no gênero Lonicera. A fruta da Lonicera pode ter coloração, roxa, azul ou preta com várias sementes e, na maioria das espécies,os frutos são levemente tóxicos. No caso da Lonicera caprifolium, ela é comum na Europa, na Ásia Menor e na região da Cordilheira dos Andes na América do Sul.

Nux_vômica_JÁTEFALEI

Nux vômica
Essa frutinha parecida com uma pequena laranja é nativa da Índia e do sudoeste da Ásia e em alguns casos pode ser usado na medicina. O problema dela é que se trata de importante fonte de estricnina e brucina, dois compostos venenosos, e que podem ser extraídos das sementes dos frutos da árvore. As sementes contém aproximadamente 1,5% de estricnina e o caule é utilizado para extrair brucina, além de outros compostos venenosos, como a vomicina e a colubrina. Se nada disso faz muito sentido para você, basta saber que 30 mg desses componentes podem matar um adulto de modo violento e doloroso, causando, por exemplo, convulsões.

Beladona_JÁTEFALEI

Beladona
Essa belezinha aqui é considerada uma das plantas mais tóxicas que podem ser encontradas no hemisfério oriental. Para ter noção do poder da plantinha, dependendo de vários fatores como a idade e o estado vegetativo dela, a ingestão de apenas uma folha pode ser fatal para um adulto. Na verdade, a parte mais tóxica da beladona geralmente é a raiz, mas o principal perigo está nas frutinhas, com aparência negra e brilhante e sabor doce. Todas as partes da beladona contém alcalóide e comer cinco frutinhas de beladona podem matar uma pessoa.

Fruto_de_mancenilheira_JÁTEFALEI

Fruto de mancenilheira
Essa é uma árvore bastante perigosa, encontrada na América do Norte, na América Central e em parte da América do Sul. Em muitos lugares, as árvores são marcadas com tinta vermelha ou ficam acompanhadas de avisos sobre os perigos dela. Todas as as partes dela contém toxinas fortes: a sua seiva dela, por exemplo, contém forbol e outras substâncias irritantes para a pele, causando dermatites. Sobre os frutos, são vários os relatos de pessoas que ingeriram e depois tiveram problemas como dores insuportáveis, queimaduras e sensação de aperto na garganta.

Jequiriti_JÁTEFALEI

Jequiriti 
Ela também é conhecida com o nome Ervilha do Rosário, mas não recomendamos colocar no seu cachorro-quente. Comum em locais como Índia, Ilhas Filipinas, Tailândia e parte da África, ela é uma planta considerada bastante venenosa, ao mesmo tempo em que pode ser usada para efeitos medicinais. O veneno contido na planta é a abrina, bem parecido com a ricina, encontrado em algumas outras plantas venenosas. A principal diferença é que a abrina é cerca de 75 vezes mais forte que a ricina, ou seja. O jequiriti possui também um componente chamado ácido ábrico. O que ele faz? Basicamente, ele ataca o sistema digestivo e causa coisas como gastroenterites severas. É pior do que a dor de barriga que você teve quando comeu manga demais, melhor não brincar com isso.

Erva_de_São_Cristovão_JÁTEFALEI

Erva-de-São-Cristovão
Essa aqui é nativa da América do Norte. As frutas são brancas com um ponto preto, parecendo um olho meio bizarro. os frutos e toda a planta são considerados tóxicos para os seres humanos. Toda a estrutura é venenosa, mas as frutinhas dela são a parte mais perigosa da planta. As toxinas causam efeitos sedativos e atuam no tecido muscular cardíaco, podendo levar à parada cardíaca e morte. Ela é outra que é inofensiva para as aves, dispersores de sementes da planta.

Teixo_JÁTEFALEI

Teixo
Natural  da Europa e partes da África e Ásia, o teixo é uma árvore bem perigosa. Bastante robusta, possui substâncias bastante venenosas em todas as suas partes (as folhas, por exemplo, podem ser fatais se ingeridas em grande quantidade), e seu princípio ativo, a efedrina, tem a propriedade de fulminar o coração. As frutinhas não são nem exatamente o problema, o pior é o que tem dentro delas: as sementes do teixo podem matar em função do veneno. Melhor procurar uma pitangueira mesmo.

Mamona_JÁTEFALEI

Mamona 
Quando Dinho, Bento, Samuel, Sérgio e Júlio resolveram chamar a bande deles de Mamonas Assassinas, eles não estavam brincando. Vários países são produtores da mamona e o Brasil está, ao lado de Índia e China, entre os principais do mundo em função dos produtos derivados da planta. A treta da mamona está no fato de a semente dela ser um bocado tóxica: mais de três sementes podem ser fatais para uma criança e o triplo disso também é letal para um adulto. O problema principal está no componente ricina, mas rola também a ricinina, que pode ser encontrada em todas as partes da planta e que age no sistema nervoso central podendo causar efeitos como convulsões. Mas, convenhamos: pelo menos essa aqui é bem feia, ninguém com bom senso pensaria em comer mamonas só pela aparência delas.

Briônia_JÁTEFALEI

Briônia 
Planta natural de Portugal, é uma parente da abóbora. A briônia é basicamente uma trepadeira cujos frutos e raízes possuem veneno um bocado fortes. Algumas pessoas utilizam a planta para determinados fins medicinais, mas sempre com  a indicação cuidadosa de um médico, visto que o veneno da planta pode ser um tanto quanto perigoso. Homens e outros animais podem se intoxicar com o fruto e uma grande quantidade deles, cerca de quarenta, pode ser letal.

Azevinho_JÁTEFALEI

Azevinho
Essa aqui você conhece dos filmes natalinos norte-americanos. Natural do hemisfério norte, o azevinho é basicamente um arbusto, da família da erva-mate. O problema da frutinha vermelha é que ela contém ilicina, um veneno que pode causar coisas como diarreia e vômito duas horas após a ingestão. Isso, aliás, se você comer poucas: a ingestão de cerca de vinte frutas pode ser fatal. Ah, as folhas também são tóxicas. Melhor deixar essa fruta de fora da ceia de natal.

Nos vemos semana que vem!

 

Anúncios

Comente este Post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s