Rolou estresse?

Por Ela:

A correria do dia a dia, trânsito, trabalho, chefe, cobranças, falta de água, faculdade, provas, problemas de família… tudo isso gera um estresse incalculável! Somos seres humanos, pessoas compostas por todas essas esferas e muitas vezes não conseguimos deixar o estresse do resto do mundo de lado e acabamos descontando tudo na pessoa errada: Ele! Não tenho TPM, mas pelo contrário, ando estressada o mês inteiro. Não é nada agradável conviver com uma pessoa estressada, fato! O lado bom é que eu não fico brava, não grito ou sou agressiva com Ele… Mas o problema é que eu fico mal e sempre acabo contando com Ele pra desabafar, com muito choro, claro!  O final feliz é que Ele sempre me ajuda e me faz sentir melhor! É meu remédio!

Brigas no relacionamento? São raras! Apesar de todas as diferenças, nos entendemos muito bem! E qualquer desentendimento é resolvido na conversa sem muito estresse. Eu até que sou uma pessoa flexível no quesito relacionamento e posso dizer o mesmo sobre Ele! Então, no final tudo se acerta! Relacionamento de contos de fadas? Não. Claro que pra chegar a um acordo, mesmo com conversa, não é tão simples assim. Nas famosas DR sempre acabamos expondo pontos que o parceiro não está a fim de ouvir, temas desagradáveis… Mas faz parte! Depois de umas caretas, umas lágrimas e um abraço tudo fica bem!

Mas, no relacionamento em si, não sou estressada. Não sou ciumenta também, como já disse nos posts anteriores – o que já elimina um dos grandes culpados pelo estresse nos relacionamentos. Eu fico estressada mesmo com questões de planejamento e organização. Ah, isso sim me estressa! Não planejar algo ou fazer algo diferente do que havíamos combinado. Lendo isso parece que eu sou uma maníaca por organização, mas não é para tanto (talvez só um pouquinho). Mas vou citar um exemplo pra vocês me entenderem (e ficarem do meu lado, claro!): fomos viajar para a praia num final de semana desses com a família d’Ele. Eu fiz uma mala até que razoável para os meus padrões (sim, eu levo a casa comigo!), mas dessa vez, era uma mala pequena para o final de semana. Mulher geralmente acaba levando muitos cosméticos também, né, não tem jeito: shampoo, condicionador, sabonete, protetor solar, creme, repelente, desodorante, etc., e acaba dividindo tudo com Ele né, que, na maioria das vezes não se preocupa com essas coisas. Ok, levar os cosméticos pelos dois é natural e acaba diminuindo a bagagem. Mas e quando seu namorado resolve não levar NADA? Nada mesmo, nem uma bermuda, chinelo, cueca, camiseta… absolutamente nada?! Sim, é de se espantar, principalmente para alguém que planeja cada detalhe como eu! Mas, enfim, vindo d’Ele, já era de se esperar. Pra resumir, Ele pegou tudo emprestado do pai e do irmão durante a viagem, já que não tinha nada, né? Tempos atrás eu surtaria com isso! Dessa vez, não me importei muito, mas essa questão de falta de planejamento me estressa um pouco, principalmente quando, implicitamente, eu acabo ficando responsável por organizar tudo sozinha. Não quero essa responsabilidade só pra mim e Ele não quer planejar. E agora? Vamos morrer de estresse? Terminar o relacionamento?  Claro que não (embora, às vezes, eu até ache que vou ter um piripaque). A solução é conversar, resolver com calma e não dar trela pro estresse.

E o estresse do mundo? Bom, vamos ter que arrumar um jeito pro estresse cotidiano não afetar nosso relacionamento. Pode ser um esporte, academia, ter um momento só pra você, fazer aquilo que mais gosta, sair, ler um livro, ver um filme, socar um saco de boxe, dar mortais, comer besteira, receber massagem, enfim, qualquer que seja a opção, o que importa é aliviar o estresse e alavancar a relação. Aproveito nesse momento, para agradecer a Ele por toda a paciência! Sim, reconhecer quando se está estressado e pedir desculpas também é necessário.

brigadecasal3

Mas agora é sua vez, vê se não me estressa, hein?!

Por Ele:

Vish, e agora? A patroa não está fácil, tá cheia de vontade de matar um namorado e você nem sabe o porquê! Acha isso mó injusto?

Rolou um stress! O que fazer, Ele?

Nada!

Meus caros, suas senhoras são humanas (eu espero!) e a vida de ninguém é fácil, tente respeitar, deixe quieto se possível, às vezes foi só um dia muito ruim no trabalho ou o cansaço da rotina cruel da cidade pegando. Aí ela, por ou sem querer, estourou em você, o que é normal, porque você é o porto seguro dela. Com você ela tem liberdade de sentir o que bem entender! O quanto isso é bom, só cabe a você definir.

Óbvio, não estou pedindo para aceitar feito um idiota, se todo dia ela chegar e pisar na sua cabeça. O ataque de estresse acontece, mas se for rotina e todo dia ela vier cheia de mimimi e má notícia, manda procurar um psicólogo ou, se for necessário, você um segurança, rs.

Um relacionamento não é só amor e beijinho para lá e para cá, em muitos momentos temos que ser firmes como rochas para aguentar o tranco e, quase ao mesmo tempo, sensíveis como um artista para compreender a situação e transformá-la numa boa ou na menos pior possível.

Nunca se esqueça, se hoje é ela que está de mau humor e irritada, amanhã com certeza pode ser você! Então não vacila à toa!

Anúncios

Comente este Post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s