Perfil do investidor, riscos, prazos e objetivos

Você sabe aquele dinheiro que está economizando? Você pode aumentá-lo .Existem diversos produtos de investimentos para você investir o seu dinheiro, mas é importante entender como funcionam antes de fazer a sua escolha.

Você precisa conhecer quais são os riscos dos investimentos que você vai escolher, existem produtos onde você corre o risco de perder o que está investindo e outros que conservam o valor aplicado. Mas vale lembrar que quanto maior o risco do investimento maior poderá ser a sua rentabilidade.

Existem alguns perfis de investidores e é importante você saber qual é o seu para não investir o seu dinheiro em um produto inadequado. Será que você tolera perder para tentar ganhar mais? Por exemplo, investidores mais conservadores, são aqueles que de forma alguma querem correr o risco de perder o que está investindo, mesmo que esse risco seja pequeno, já os investidores mais agressivos aceitam correr o risco de perder o que está investindo para buscar rentabilidades melhores. Na analise de perfil do investidor (Suitability), será levado em conta o momento de vida do investidor, tolerância de risco, prazos e objetivos, por isso é importante que você periodicamente atualize o seu perfil. Você pode procurar o seu banco, ou se ainda não tem uma conta em banco, entrando no site do Bradesco e Itaú você pode responder o questionário para descobrir o seu perfil de investidor, mesmo sem ser cliente.
Até aqui você já sabe que existem diversos tipos de investimentos, alguns com mais riscos e outros com menos e sabe também que precisa conhecer o seu perfil de investidor para escolher o investimento mais adequado. Agora, você precisa definir objetivo e prazo para o valor que você está investindo. Existem investimentos que são mais adequados para o curto prazo outros para o médio prazo e outros para o longo prazo.objetivos

Sugiro que você monte a sua carteira de investimentos, pensando em construir três reservas, uma de curto prazo, médio prazo e longo prazo. 

Curto Prazo: Essa reserva será para te proteger das emergências do dia a dia, por exemplo, um mês que você ficou sem trabalho, que as contas foram mais altas, conserto do carro, uma doença na família e etc. Ao invés de você recorrer a empréstimos que possuem altas taxas de juros você vai recorrer a essa reserva. Nesse investimento de curto prazo, você escolherá um produto de investimento com resgate imediato e que seja conservador, ou seja, que não tenha risco de perder o que foi investido inicialmente. Será uma reserva de fácil acesso caso você precise do dinheiro. Dessa forma o seu dinheiro aumenta sem riscos e te protege das eventualidades do dia a dia.

Médio Prazo: Para essa reserva, você pode destinar os valores para seus objetivos com prazo um pouco maior, por exemplo, comprar uma casa, carro, fazer uma viagem e etc. Nessa reserva você pode diversificar um pouquinho mais, para tentar aumentar o rendimento do seu investimento.  Aqui você não precisa investir o seu dinheiro somente nos produtos de resgate imediato, como você pode planejar quando vai usar o recurso, você pode investir em produtos com prazos de resgate maiores e produtos que tenham até um pouquinho mais de risco, para tentar aumentar o seu ganho.

Longo Prazo: Aqui você vai investir valores com o objetivo de usar no longo prazo, por exemplo, a sua aposentadoria. Você pode diversificar em produtos de risco (de acordo com o perfil de investidor), pois se eventualmente você tiver uma perda você terá bastante tempo para recuperar.

Embora muitos de você já conheçam os termos, outros não conhecem, ou não estão familiarizados com algumas palavras que eu usei aqui no post, então seguem algumas explicações:

  • Aplicar é quando você coloca o seu dinheiro em algum produto financeiro com o objetivo de obter um ganho.
  • Rendimento/Rentabilidade é o ganho que você obteve após aplicar o seu dinheiro em algum produto financeiro.
  • Resgate é quando você quer tirar o seu dinheiro desse produto financeiro.
  • Montar uma carteira de investimentos significa você aplicar em um conjunto de produtos financeiros, por exemplo, Poupança, CDBs, LCI, ações, fundos multimercados e etc.

No próximo post vou falar de alguns produtos conservadores. Até quinta feira!

 

 

 

 

Anúncios

3 comentários em “Perfil do investidor, riscos, prazos e objetivos”

Comente este Post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s